''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




quarta-feira, 29 de agosto de 2012

AS MÚMIAS DO MERCOSUL, CLE"PT"ÓPATRA E CRISTINA TÁCOMCÚNAMÃO

Argentina - Cristina Kirchner diz ser a reencarnação de "grande arquiteto egipcio". 

Só pode ser a grande múmia Cristina Kirschner Tácomcúnamão.

Agora tudo está explicado e devemos orar por nossos hermanos argentinos, eles não tem culpa do retardo mental de sua "presidenta". Se serve de consolo, nós, os brasileiros, também votamos num neurônio solitário. e numa múmia.
Será que os Maias estavam certos no fim das contas?

Imaginem, nós temos uma "Cleptópatra" e os hermanos um arquiteto transsexual em forma de "Tácomcúnamão". (Reencarnações de Cleópatra e Tutankamon).
Agora sabemos por qual razão o antigo império egipcio foi destruído. Mas infelizmente podemos afirmar que realmente múmias existem e andam vivas por aí, governando nações e se chamando de "presidentas". Seria um ataque de múmias?


(Siegmar)

PEIXE, PÃO E LIVROS / Por Miguel Hurst

A nova revista do Goethe-Institut, REPORTAGENS IMAGENS CONVERSAS, nos presenteia com belas reportagens sobre Angola e sua capital, Luanda.
Entre as reportagens uma me chamou a atenção e vale realmente ser reproduzida.

PEIXE, PÃO E LIVROS

Design é uma missão para Shunnoz e Tekasala / Por Miguel Hurst

"O curso de designer de moda e estilismo recebemos antes de estarmos aqui na terra. Deus enviou-nos ao mundo para cumprirmos uma missão muito simples: não será a morrer para o mundo", diz o designer de moda Shunnoz Fiel.

Ele e o seu parceiro Tekasala Maat Nzinga colaboram com o Goethe-Institut desde 2011. Para este ano está planeada uma exposição com o nome "Missão Moda!"
Em 2014 será lançado um livro sobre o trabalho dos dois.

Criar moda para o corpo, mente e espirito define a postura destes dois jovens estilistas angolanos, noz e Tekasala.
Participar ativamente na reconstrução do homem e da mente nacional angolana, foi a idéia primária que os levou, há cerca de oito anos, a usar a arte da moda como ferramenta de comunicação e de divulgação dos seus ideais.

A utilização de combinações inusitadas de cores, de proporções atípicas nos fatos, transforma o trabalho destes criadores, numa festa de cor, ritmo, diversão e energia.

Arrojo, provocação, inquietação e novidade são posturas sempre presentes nos desfiles, onde numa linguagem performativa, o público é envolvido num festival de sensações em que a música e a presença de elementos cenográficos como o grelhador, o peixe, o pão, os livros acompanham os manequins e conquistam as mentes para a aceitação do novo.

Abraçar a harmonia, a construção de idéias, a estimulação do pensamento multicultural novo e a busca de valores positivos no desenvolvimento de sociedades fragmentadas, é a preocupação principal destas duas fortes personalidades que veem na aceitação de novas idéias e produtos a essência para melhoria da sociedade. Shunnoz e Tekasala, talentos mais que confirmados no novo mosaico artístico angolano, onde as novas idéias se casam com o tradicional em mutação, onde uma nova energia sublinha a vontade e força nesta aposta de reconstrução.
Miguel Hurst
 

terça-feira, 28 de agosto de 2012

NOTÍCIAS DO REINO DOS EXCREMENTOS. PT. SAUDAÇÕES

Ao prestar depoimento na CPMI do Cachoeira, na manha desta terça, Pagot admitiu ter sido procurada pela então senadora para tratar de três convênios relacionados à Santa Catarina. No final da reunião, ela teria dito: "sou candidata ao governo e preciso que me indique empresas para que eu possa buscar recursos", referindo-se à sua campanha para governadora de Santa Catarina.

Pagot teria respondido, segundo sua própria versão: "eu não posso, não devo e não vou fazerisso". O ex-diretor-geral do Dnit disse ter certeza de que, na época, a ministra ficou contrariada. O descontentamento de Ideli Salvatti foi apontado por Pagot, em entrevistas, como uma das possíveis razões para sua demissão do cargo.

Podem apostar que o cara falou a verdade. Não a parte em que ele diz que não poderia e não deveria fazer isso, mas falou a verdade sobre a fulana pedir grana para sua campanha.
Assim como também falou a verdade quando disse ter arrecada dinheiro para a campanha da atual "presiexcrementa" no poder, Dilma Rousseff.
Estamos falando de petistas e salafrários, poderia se esperar outra coisa destes excrementos  todos?

O Brasil precisa cair na real e urgentemente pedir o impeachment desta corja toda.
Perto destes ladrões, Cachoeira, Fernandinho Beira Mar, e Collor de Melo são anjos de inocência.

É sujeira após sujeira, é rabo preso que não acaba mais,
e todos tem a cara de pau de se fazer de inocentes e vítimas.

Vítimas somos nós, os que deixamos nos fazer de idiotas por estes ladrões. Vítimas somos nós, que aumentamos o patrimônio destes safados em mais de vinte vezes em apenas alguns meses, ou seria dias?

Segue abaixo um ótimo e verdadeiro artigo de Geraldo Almendra, que nos esclarece um pouco mais a verdade que poucos parecem enxergar, ou querer enxergar.

Quando este canalha estiver na cadeia, podemos novamente acreditar num novo, definitivo e decente Brasil.
(Siegmar)



POR FAVOR, REPASSEM

Por Geraldo Almendra (*)
Pode um cidadão eleito presidente e pertencente à classe média baixa, se tornar, em dois mandatos presidenciais, em um bilionário apenas com seus rendimentos e benefícios do cargo?
A resposta é sim. O ex-presidente Lula é um suposto e exemplar caso desse milagre financeiro, tendo-se como base as denúncias recorrentes já feitas pela mídia.
Conforme amplamente noticiado em algumas ocasiões uma conceituada revista - a Forbes – trouxe à tona esse tema, reputando a Lula a posse de uma fortuna pessoal estimada em mais de R$ 2 bilhões de dólares, devendo-se ressaltar que a primeira denúncia ocorreu ao que tudo indica em 2006, o que nos leva a concluir que a “inteligência financeira do ex-presidente” já deve ter mais que dobrado esse valor, na falta de uma contestação formal e legal do ex-presidente contra a revista.
Estamos diante de um suposto caso em que o silêncio pode ser a melhor defesa para não mexer na panela apodrecida dos podres Poderes da República, evitando as consequências legais pertinentes e o inevitável desgaste perante a opinião pública.
Nesta semana a divulgação pelo Wikileaks de suspeitas - também já feitas anteriormente - de subornos envolvendo o ex-presidente nas relações de compras feitas pelo desgoverno brasileiro em relação a processos de licitações passados, ou em andamento, nos conduz, novamente, e necessariamente, a uma pergunta não respondida: como se explica o vertiginoso crescimento do patrimônio pessoal e familiar da família Lula?
O que devem estar pensando os milhares de contribuintes que têm suas declarações de renda rejeitadas e são legalmente, todos os anos, obrigados a dar as devidas satisfações à Receita Federal sobre crescimentos patrimoniais tecnicamente inexplicáveis, mas de valor expressivamente menor do que o associado ao patrimônio pessoal e familiar do ex-presidente?
A resposta é simples e direta: tudo isso nos parece ser uma grande e redundante sacanagem com todos aqueles que trabalham fora do setor público - durante mais de cinco meses por ano - para ajudar a sustentar aquilo que a sociedade já está se acostumando a chamar de covil de bandidos.
A pergunta que fica no ar é sobre que atitudes deveriam e devem tomar o Ministério Público, a Receita Federal, O Tribunal de Contas e a Polícia Federal diante de supostas e escandalosas evidências de enriquecimento ilícito de alguém que ficou durante dois mandatos consecutivos no cargo de Presidente da República?
Na falta de atitudes investigativas ou consequências legais, como sempre, a mensagem que o poder público passa para a sociedade é de uma grotesca e sistemática impunidade protetora de todos, ou quase todos, que pactuam com a transformação do país em um Paraíso de Patifes.
No Brasil, cada vez mais, a corrupção compensa e as eventuais punições já viraram brincadeira que nossa sociedade, no cerne dos seus núcleos de poder públicos e privados aprendeu: a impunidade a leva a se nivelar por baixo aceitando que roubar o contribuinte já se tornou um ato politicamente correto para que a o projeto de poder do PT – um Regime Civil Fascista fundamentado no suborno e em um assistencialismo comprador de votos – siga inexoravelmente avante.
A omissão do Poder Público diante da absurda degeneração moral das relações públicas e privadas somente nos deixa uma alternativa de qualificação: estamos diante do Poder Público mais safado e sem vergonha de nossa história.
A propósito quem roubou o crucifixo do gabinete presidencial no final do desgoverno Lula?
(*) Economista e Professor de Matemática, Petrópolis

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

HOMENAGEM AOS VERMES

video
Mais uma pequena homenagem aos salafrários deste "paíz". Fico feliz que outras pessoas também conseguem ver a pouca vergonha e protestar da melhor forma que encontram.
É mostrando cada vez mais a verdade e a realidade deste "paíz", que talvez um dia todo o Brasil acorde e conheça a verdade e a verdadeira cara de Lula da Silva e sua imunda corja de petistas, os piores salafrários que este "paíz" teve a infelicidade de acreditar.
(Siegmar)

domingo, 26 de agosto de 2012

E ENQUANTO UM SALAFRÁRIO MENTE AO NEW YORK TIMES...


Pensem nesta vergonha, senhoras ministras e senhores ministros do Supremo: até agora, esta inocente é a única punida do mensalão!

Vocês têm de espalhar na rede a história desta mulher porque ela é a evidência viva do modo como “eles” operam. Ela se negou a endossar a roubalheira dos mensaleiros no Banco do Brasil. Sabem o que aconteceu? Perdeu o emprego, não consegue mais trabalho e já foi ameaçada de morte três vezes. Leiam a reportagem de Gustavo Ribeiro e Hugo Marques na VEJA desta semana.

A publicitária Danevita Magalhães não ajudou a desviar recursos públicos, como fez o PT e seus dirigentes, não fraudou empréstimos bancários, como o empresário Marcos Valério, nem sacou dinheiro sujo na boca do caixa de um banco, como fizeram os políticos. Sua situação, porém, é bem pior que a de muitos deles. Ex-gerente do Núcleo de Mídia do Banco do Brasil, Danevita foi demitida por se recusar a assinar documentos que dariam ares de autenticidade a uma fraude milionária.
Depois de prestar um dos mais contundentes depoimentos do processo — desconstruindo a principal tese da defesa, de que não houve dinheiro público no esquema —, Danevita passou a sofrer ameaças de morte e não conseguiu mais arrumar emprego. A mulher que enfrentou os mensaleiros cumpre uma pena pesada desde que contou o que sabia, há sete anos. Rejeitada pelos antigos companheiros petistas, vive da caridade de amigos e familiares, sofre de depressão e pensa em deixar o Brasil. Só não fez isso ainda por falta de dinheiro.
O testemunho da publicitária foi invocado várias vezes no corpo da sentença dos dois ministros que votaram na semana passada. Entre 1997 e 2004, Danevita comandou o setor do Banco do Brasil responsável pelo pagamento das agências de publicidade que fazem a propaganda da instituição. Sua carreira foi destruída quando ela se negou a autorizar uma ordem de pagamento de 60 milhões de reais à DNA Propaganda, do empresário Marcos Valério. O motivo era elementar: o serviço não foi e nem seria realizado. Mais que isso: o dinheiro, antes de ser oficialmente liberado, já estava nas contas da DNA, o que contrariava frontalmente o procedimento do banco. Ela, portanto, negou-se a ser cúmplice da falcatrua. Em depoimento à Justiça, Danevita contou ainda que ouviu de um dos diretores da DNA que a cam­panha contratada jamais seria realiza­da. “Como não assinei, fui demitida”, lembra.
Depois disso, ela não conse­guiu mais arrumar emprego e perdeu tudo o que tinha. Saiu de um padrão confortável de vida — incluindo um salário de 15000 reais, carro do ano e viagens frequentes — para depender da boa vontade de amigos e morar na casa da filha, que a sustenta. “Estou sofrendo as consequências desse esquema até hoje. O pior é que eu não participei de nada. Você deveria falar com Dirceu, Lula…”, disse.
Danevita hoje vive reclusa na casa da filha e evita conversar sobre o mensalão. Ela conta que sofreu três ameaças de morte. Sempre telefonemas anônimos, pressionando-a para mudar suas alegações às autoridades. Seu desespero é tamanho que, em entrevista a VEJA, ela pediu para não ser mais procurada: “Peço que me deixem em paz. Eu não tenho mais nada a perder”, disse. Danevita credita aos envolvidos no esquema — e prejudicados pelo teor do seu testemunho — as dificuldades que tem encontrado no mercado de trabalho. Apesar de um currículo que inclui altos cargos em empresas multinacionais, ela conseguiu apenas pequenos serviços. A publicitária não tem dúvida de que os mensaleiros a prejudicam, mas não cita nomes. “Fico muito magoada com isso. Já perdi meu dinheiro e minha dignidade”, desabafa. Ela não acredita que o Supremo Tribunal Federal vá punir os mensaleiros.
Situação parecida vive o advogado Joel Santos Filho. Ele foi o autor da gravação do vídeo no qual o ex-diretor dos Correios Maurício Marinho aparece recebendo propina e contando como funcionava o esquema de arrecadação do PTB. A reportagem, publicada por VEJA em maio de 2005, está na gênese do escândalo. Foi a partir dela que o presidente do PTB, deputado Roberto Jefferson, revelou a existência do mensalão. Joel conta que foi chamado por um amigo empresário, que tinha os interesses comerciais prejudicados nos Correios, para colher provas de que lá funcionava um esquema de extorsão. Pelo trabalho de filmagem, não ganhou nada e ainda perdeu o que tinha. Durante as investigações do mensalão, Joel teve documentos e computadores apreendidos — e nunca devolvidos. Apesar de não ter sido acusado de nada, foi preso por cinco dias e ameaçado na cadeia: “Fui abordado por outro preso, que disse saber onde minha família morava e minhas filhas estudavam. Ele me alertou: ‘Pense no que vai falar, você pode ter problemas lá fora”. Joel sustenta sua família hoje por meio de bicos. “Fiquei marcado de uma forma muito negativa”, lamenta.
Por Reinaldo Azevedo
UM PEDIDO ESPECIAL, CASO ALGUM AMIGO AMERICANO ENTRE NESTE BLOG, PEÇO SE POSSÍVEL ENVIAR ESTE ARTIGO AO NEW YORK TIMES.
ESTA É A ÚNICA E GRANDE VERDADE - O MENSALÃO NÃO APENAS EXISTIU, COMO FOI AUTORIZADO, PLANEJADO E EXECUTADO POR ESTES DOIS SALAFRÁRIOS DA IMAGEM ACIMA.

sábado, 25 de agosto de 2012

PARA ENTENDER DEFINITIVAMENTE A FARSA DO JULGAMENTO DO MENSALÃO

PARA ENTENDER DEFINITIVAMENTE A FARSA DO JULGAMENTO DO MENSALÃO

RESUMO DA ATUAL HISTÓRIA DO BRASIL

A realidade dos fatos?
Para melhor entender o mensalão, primeiro é preciso se lembrar do seu criador, ou criadores, melhor dizendo. A imagem ao lado diz alguma coisa? Seria capitão e comandante?  Quem é quem? Não importa, importa é saber que são os dois  maiores salafrários que o mundo já conheceu.
Por dinheiro e pelo poder um mataria o outro se necessário fosse. Mas vermes se entendem muito bem, afinal, excrementos acabam sempre no mesmo esgoto. E quando se fala em PT, bota vermes nisso, faltam esgotos e podridão. Todos querem uma fatia dos recursos públicos e todos parecem, ou se fazem parecer como se fossem São Josés e virgens Marias.
Atualmente estamos assistindo a uma palhaçada que chamam de "julgamento do mensalão". Mas qualquer idiota, com um mínimo de QI, pode antever como esta farsa irá terminar.Basta lembrar que quase todos os "digníssimos" senhores e senhoras de toga foram empossados pelo próprio Lula e sua corja. Alguns dos "digníssimos" até já trabalharam com afinco para o PT, então? O que podemos esperar?
Todos serão inocentados, ao menos os salafrários do PT. Assim, o grande “juri” terá pago suas “dívidas” aos petistas e aqueles que  não tem dívidas, terão o seu dossie com as chantagens devolvidas, ao menos a cópia, lógico! O original pode voltar a ser útil num futuro próximo.

Uns vão votar a favor, outros contra. Vai parecer que houve “justiça”. Os que votarem pela condenação irão fingir que estão “injuriados” com os amigos de toga que votarem pela “absolvição”.
O povão, no qual a maioria nem sabe o que está acontecendo, vai aplaudir Lula, o pai dos corruptos e da impunidade e vai reeleger o bandido em 2014. A oposição que não existe e  nunca existiu fará de conta que está injuriada, mas se contentará com alguns cargos de confiança e com os novos mensalões.

Dilma continuará sendo a 3ª verme do neurônio solitário mais poderosa do mundo e todos viverão feliz no país do "nunca antes neste país", e unidos, dançarão a valsa da impunidade criada pela salafrária deputada Ângela Guadagnin do PT.
Siegmar

EU, MEUS CÃES E A ZONA DO EURO

EU, MEUS CÃES E A ZONA DO EURO

Muitos devem estar preocupados e pensando na crise que abala as estruturas da Zona do Euro na Europa. Alguns talvez não entendem como é possível que isto esteja ocorrendo. Nesta pequena, porém verdadeira história, explicarei a triste realidade e mostrarei como irá acabar a crise e a história.

Há alguns anos cuido de cães, cães que foram abandonados á própria sorte e tiveram a sorte de cruzar o meu caminho. No começo eram poucos, mas a turma aumentou e isto chamou a atenção de outras pessoas. Pessoas que viram na minha atitude um exemplo e outras que viram neste exemplo uma forma de tirar vantagem. Infelizmente,  o segundo grupo é bem maior do que o primeiro.

Não sou rico, sempre procuro fazer tudo dentro dos meus limites financeiros. Comprar ração, castrar os cães que chegam, ajudar quando adoecem e lhes dar carinho e a melhor e mais digna vida possível. Neste ponto, se criou a minha  Zona do Euro. As pessoas com boas intenções se juntaram á minha luta. Um exemplo é a minha amiga e vizinha Teresa, que além de igualmente ter seus cães e cuidar deles com muito carinho e dignidade, ainda ajuda outros cães na vizinhança. Exemplo também dado por outro vizinho e outros amigos do meu local de trabalho, que sempre aparecem quando mais preciso e me auxiliam com o pouco que podem, mas ajudam de coração.
Agora, já a outra parcela, aquela que resolveu tirar proveito da situação, infelizmente balança com toda a estrutura. Me refiro a vizinhos que aparecem do nada para emprestar um pouco de ração, ou precisam de um veterinário para seu animal de estimação, principalmente quando o animal já quase não pode mais ser salvo.

Estas pessoas, grande parte delas, tem recursos para comprar ração e levar seus animais ao veterinário, mas a ganância e a avareza os impedem de agir assim. Dizem emprestar, mas jamais devolvem. Jamais sequer perguntam se você precisa de algo, fazem promessas que nunca cumprem, dizem: amanhã, quando eu puder te devolvo, jamais devolvem. Alguns podem achar que sou idiota e que me deixo aproveitar da situação, em parte talvez seja verdade, mas penso nos animais nestes momentos, sei que passarão fome se eu me negar a ajudar, sei disso, vejo isso, tenho mil exemplos.
Assim, ajudando, muitas vezes deixo de faltar aos meus. Afinal, não tenho todos os recursos do mundo. Assim acontece na real Zona do Euro. Um país como a Alemanha, precisa levar nas costas toda uma leva de países emprestando ração para outras nações e para seus cidadãos. Ração que são tomadas de empréstimo, mas nunca devolvidas  e jamais serão devolvidas, nem terão condições de devolver. Mas diferente dos cães, os cidadãos destes países não exitariam em morder a mão dos que lhes fornece empréstimos e alimentos. Os países que se dignam de tentar salvar estes países, com cada vez mais emprestimos, tira dos seus, para dar de comer aos vizinhos. É a mesma coisa, entendem agora? Estes países estão diante de governantes corruptos e desavergonhados, que não se importam com a sua população, apenas com sua própria corrupção.

Mas a bondade e paciência dos que podem ajudar, o fazem pela inocência das pessoas simples, pois sabem que são elas que irão sofrer as consequências e sabem também que são estas mesmas pessoas que por primeiro os irá morder e culpar.  Não tenho dúvida que a Zona do Euro irá falir, na verdade, precisa falir, para que estes países dependentes de empréstimos e promessas que jamais irão cumprir, voltem a sua própria origem e caminhem novamente com pernas próprias.
Sei que precisarei deixar outros animais passando fome, sei que se eu não começar a dizer basta, meus cães são os que passarão fome e deixarão de ter uma vida digna.
E assim irá terminar a crise na Europa, somente assim, ou os poucos países que ainda tem guardados seus recursos começam a pensar no próprio povo e em si próprios, ou serão engolidos e irão junto a bancarrota com os que emprestam mas nunca irão devolver.

O exemplo pode parecer tolice para alguns, mas é verdadeiro e o pesadelo é real. Alguns irão sofrer, irão perder mordomias e uma vida confortável, mas, diferentes dos animais, ao menos poderão se reerguer, se lutarem contra seus "tutores" os governantes corruptos que os levaram para esta situação e falência. Os cães não mordem seus donos se estes os deixam morrer de fome, mas as pessoas podem exigir dignidade e respeito dos corruptos governantes, as pessoas podem morder.  Até quando a minha Zona do Euro irá sobreviver, não sei responder, mas a real Zona do Euro, em breve irá ruir e trará a desgraça para muitos, não por que ruiu, mas porque governantes ladrões, preguiçosos e mentirosos destruiram a confiança que lhes foi dada por países amigos que, infelizmente, estes governantes corruptos não enxergam desta forma.
(Siegmar)

VIVA O COMPANHEIRO LEWANDOWSKI!!!

VIVA O COMPANHEIRO LEWANDOWSKI!!!

Para quem - no caso o PT - conta com um aliado como Ricardo Lewandowski, não necessita, absolutamente, de advogados de defesa!
O companheiro ministro, absolveu João Paulo Cunha, " ignorando" as próprias versões contraditórias do ex- presidente da câmara dos deputados, tais como, a de que sua esposa, recebera $50.000,00, depositados por Marcos Valério no banco Rural, para (sic) despesas pessoais do casal...

Carlos Cachoeira comparado ao Grande Guia, não passa de um mero trombadinha!

Lula armou a CPMI, para desviar a atenção do público do julgamento do Mensalão; pressionou os juizes ( a maioria nomeados por ele...) e deu o sinal para a quadrilha bater na tecla do "caixa dois !"

Carlos Cachoeira deveria falar. Ele, através da Delta, financiou as campanhas de Lula e Dilma! É o mais inocente de toda esta malta!

Os amigos deste espaço, já perceberam que o governo não está muito interessado em acabar com as greves?
Claro: quem está manipulando os movimentos grevistas, são sindicalistas ligados ao governo, dividindo as atenções da opinião pública do "julgamento" do Mensalão!

Carlos Vereza

ALERTA AOS CURITIBANOS

Estão realmente querendo entregar nossa bela cidade nas mãos de um puxa saco de mensaleiros.

Quem faz aliança com petistas e salafrários não merece o meu voto, muito menos o meu respeito.

Amigo de corruptos ou corrupto é, ou em breve ficará, pois seus mestres ensinarão o caminho e garantirão a impunidade. Já vi esta história antes.

Quem puxa o saco de Lula da Silva só pode ser malandro de primeira.

Podemos não ter muita opção para votar para prefeito, mas entregar a bela Curitiba na mão desta ratazana, é pedir  para acabar com a cidade de vez.
Lugar de lixo é na lixeira, lugar de rato é no esgoto, ou em Brasilia junto com a ratazana mãe.
Amigos curitibanos, vamos manter nossa cidade livre de ratos e ratazanas.
Armem suas ratoeiras, salvem a bela Curitiba da infestação de ratos.

Slogan de campanha?

 "NÓS TRAREMOS MENSALÕES E A IMPUNIDADE PARA CURITIBA"

Quem avisa, amigo é!
(Siegmar)

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

MADRINHA MARISA LETÍCIA AJUDANDO NA "ABSOLVIÇÃO" DE PETISTAS MENSALEIROS


A absolvição absurda foi antecipada pelo sotaque do afilhado de Marisa Letícia


O ministro Ricardo Lewandowski acaba de justificar a suspeita exposta no debate de ontem por Reinaldo Azevedo: caprichando na pose de homem da lei, acaba de absolver o mensaleiro João Paulo Cunha dos pecados passados, presentes e futuros. E os R$ 50 mil embolsados pela mulher do então presidente da Câmara dos Deputados, por exemplo? “Penso que ficou bem demonstrado que o réu solicitou por R$ 50 mil diretamente ao partido, autorizados pelo tesoureiro Delúbio Soares, para custear uma campanha devidamente realizada”, delirou o revisor do processo do mensalão.
O palavrório é suficiente para transferir Lewandowski da cadeira de ministro para a bancada dos bacharéis do mensalão. Em 2005, quando se descobriu que Márcia Cunha havia retirado R$ 50 mil da conta de uma empresa de Marcos Valério de uma agência do Banco Rural em Brasília, João Paulo saiu-se com uma desculpa que figura na antologia dos álibis imbecis. Ela usara o dinheiro para lpagar uma conta de TV a cabo, balbuciou.
Demorou alguns dias para trocar a mentira bisonha por outra inventada por embusteiros menos idiotizados: torrara a bolada em “despesas de campanha”, descobriu. O problema é que o saque foi feito em setembro de 2003, ano em que não houve eleição nenhuma. A menos que João Paulo tenha sido candidato a síndico e usado os R$ 50 mil para conseguir o apoio dos moradores do prédio.
A decisão absurda foi antecipada pela voz. Nesta quinta-feira, desde o começo da sessão do Supremo Tribunal Federal, o afilhado de Marisa Letícia falou juridiquês com sotaque de Márcio Thomaz Bastos.
(Augusto Nunes - Revista Veja)
Mas o que se poderia esperar? Como não canso de dizer, tudo não passa de uma grande e alegre família.
Ainda tem mais afilhados esperando para julgar e dar seus votos de absolvição. Afinal, todos começaram a vida "honestamente" trabalhando para o PT, não será desta vez que irão cuspir no prato que os "alimenta". Aliás, enquanto os corruptos estiverem no poder, abençoados por mamãe "Dilma",
jamais teremos exemplos de honestidade e justiça novamente neste país.
O que se vê é um deboche direto na cara das pessoas decentes deste país. Mas isso não conta, afinal, os poucos cidadãos ainda respeitáveis e decentes em nossa pátria podem ser contados nos dedos de uma mão. O povão se entregou á imundice, chafurda e se esfrega na lama do chiqueiro deste governo hipócrita e imoral que aqui se instalou.
E AINDA TEM IDIOTA QUE ACREDITA NA JUSTIÇA BRASILEIRA.
(Siegmar)

ENQUANTO A REALEZA BANQUETEIA EM ORGIAS E MOSTRA AO MUNDO SUAS JÓIAS...

Mais uma vez a grande "realeza" britânica mostra suas jóias.
Alguns estão chocados com as imagens do príncipe mostrando como se deve viver e gastar as fortunas de vagabundos que nunca trabalharam um dia na vida.
Ignorantes indiferentes com a realidade no mundo.
Uma realeza sustentada por idiotas, que tem orgasmos a cada vez que veem o cortejo real passar.
Hipócritas que vivem de mordomias, não sabem sequer limpar o próprio traseiro. E sua fortuna provém dos países que exploraram e do povo que massacraram e hoje morre de fome e na miséria.
Esta é a grande verdade que poucos admitem.
Eu não considero este lixo como seres humanos, são o que costumo chamar de excrementos da humanidade.
A mim não surpreendem as peripécias da imunda família real, mas me surpreende, que grande parte do mundo lamberia e lambe as botas e o traseiro destes vermes, mas fica totalmente indiferente a miséria criada por estes criminosos.

Quanta riqueza foi roubada deste povo?
Sei que não posso mudar o mundo, não posso salvar a vida destas crianças e lhes mostrar um mundo de dignidade, mas aqueles que podem e deveriam são indiferentes aos crimes que cometeram no passado e ao qual ainda cometem.
Indiferentes a fome e miséria que eles criaram e que hoje lhes garante uma vida de luxo e mordomias.
Esta é a minha visão da realeza, a podre e imunda máscara da indiferença, onde povos são roubados, saqueados e explorados, depois abandonados à própria sorte, enquanto seus tesouros continuam sendo eternamente saqueados.
Pagos com migalhas, pagos com arrogância e prepotência enquanto se mostram chocados perante o mundo quando suas orgias se tornam públicas.
"Que Deus tenha misericórdia deste excremento humano que se chama REALEZA.
(Siegmar)

NOTA DE FALECIMENTO

Em várias postagens tenho afirmado que tudo não passa de uma grande armação. Uma piada para debochar da cara das pessoas decentes e honestas que ainda restam neste país.
11 juizes e uma sentença? Qual é? Um condena, outro inocenta, um livra a cara e outro livra a bunda.
Um juiz se faz de decente, outro é mais bandido que os bandidos julgados.
Todos são amigos do chefão Lula da Silva, pai e criador do mensalão e da atual imbecil no comando.
Assim, se alguém acha ou pensou que este julgamento seria um julgamento justo e sério, se ferrou ou é idiota.
Está na mais do que na cara que toda esta corja faz parte da mesma laia de corruptos e bandidos. Justiça no Brasil não existe mais. Muitos bandidos com e sem toga e nenhum homem decente e honrado, assim termina minha postagem sobre esta pouca vergonha.
O país está de luto, morreu a seriedade, a moral, o respeito, a honra, a dignidade, a honestidade da justiça brasileira.
Enterrem tudo na curva do rio e na lápide, apenas coloquem a data, não existe frase ou palavra que pode descrever todo este lixo e total falta de vergonha na cara.
O MENSALÃO EXISTIU MAS, " O JULGAMENTO DO MENSALÃO ", NÃO APENAS NUNCA EXISTIU, COMO O QUE VIMOS E ESTAMOS VENDO, NÃO PASSA DE UMA GRANDE PIADA.
A maior farsa já vista neste país é sem duvida a ENCENAÇÃO deste julgamento fajuto e hipócrita, onde todos são amigos de todos e "cumpanheiros" de todos.
Nunca antes ví tanta palhaçada e tanto cinísmo num só tribunal, se é que se pode chamar aquilo de tribunal, mais parece um grande circo, onde infelizmente  os palhaços somos nós e os atores os piores que se pode imaginar. Um eterno bem me quer mal me quer. Um julga culpado, outro julga inocente, no final empata e todos são inocentados, como se desde o começo esta farsa idiota já não tivesse sido planejada, combinada e muito bem paga por Lula da Silva e sua corja de corruptos. A quem estes idiotas pensam que enganam?
(Siegmar)

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

PARA NUNCA ESQUECER DOROTHY STANG


Irmã Dorothy Stang foi assassinada no dia 12 de fevereiro de 2005, em Anapu, na terra que ela escolheu para viver e exercer a missão.   Sua missão: trazer alento, buscando na Palavra de Deus luz para um novo agir; e tanto era a sua preocupação que ajudou a fundar a primeira escola de formação de professores na rodovia Transamazônica "Escola Brasil Grande" na cidade de Anapu-PA.

Questionada sobre as ameaças e a sua insistência em permanecer na região e dar prosseguimento à sua ação evangélica pela causa dos mais pobres, declarou: "Não vou fugir, nem abandonar a luta destes trabalhadores. Eles tem o sagrado direito a uma vida digna e a uma terra onde possam produzir sem devastar".
Relembro a Irmã Dorthy para que não seja esquecida pelo mundo. Pois hoje, mais uma vez o corrupto e imoral governo e justiça do Brasil demonstrou o deboche e o descaso pela luta de pessoas como Irmã Dorothy Stang.

Hoje foi concedida a liberdade do assassino da Irmã Dorothy. Um assassino que sabemos matou a mando de amigos e companheiros deste governo imundo. Não fosse assim, o Superior Tribunal de Justiça jamais poderia nem deveria conceder a liberdade para este assassino.
 Segundo o advogado de Regivaldo, Jânio Siqueira, o STF entendeu que a prisão do fazendeiro foi baseada no fato do tribunal do júri haver concluído pela culpa provisória do acusado, esquecendo que a sentença condenatória só poderia ter sido executada quando não houvesse mais recursos pendentes da defesa contra a condenação de Regivaldo.

Não há mais nada a comentar, apenas repito, Irmã Dorothy Stang jamais deverá ser esquecida.
(Siegmar)



quarta-feira, 22 de agosto de 2012

FULANA SEM DESTINO, TRÊS MESES DEPOIS


Dia 11 de junho postei esta imagem da pequena Fulana.
A encontrei abandonada, perambulando sem destino, perambulando pelo meio da rua.

Fulana ainda não encontrou seu destino, mas tudo indica que seu destino será mesmo ao meu lado.

"Você se torna eternamente responsável por aquilo que cativa."

Creio que alguns se lembram e conhecem esta pequena frase do Pequeno Príncipe. Cativei Fulana e ela me cativou, assim, somos eternamente responsáveis um pelo outro.
Nestes três meses e 11 dias, Fulana correu, brincou e aprendeu a conhecer a vida. Uma vida digna, que nem sempre é assim generosa para com os animais. Sabemos disso, sabemos o quanto alguns sofrem com a indiferença, o abandono e os maus tratos.

Fulana jamais irá conhecer o lado negro da vida.
Esta crescendo, feliz e segura. Já dobrou de tamanho, é esperta e alegre.

Como uma criança pequena, passa o dia brincando com os outros cães e explorando os cantos do pequeno quintal. Tudo é novidade e mágico, um ratinho que passa correndo, uma folha que cai do velho abacateiro, uma lasca de uma das casinhas de cachorro, ou uma garrafa pet jogada ao acaso.

Já aprendeu a reconhecer o barulho do pacote de biscoitos, quando este é aberto, aprendeu a latir por nada, ou quem sabe por algum ruído que só ela consegue escutar?
Como eu disse antes, Fulana jamais irá conhecer o lado negro da vida. Ao menos assim espero, espero, desejo e peço ao bom Deus que ele me de forças, para que possa sobreviver a todos eles, assim saberei que nunca mais serão abandonados e maltratados. Saberei que como tantos outros, não precisarão mais caminhar sem destino, procurando água, comida e alguém que os queira e lhes de a oportunidade de poderem amar um dono e serem por ele amados.
A lealdade de um cão não tem comparação, e podemos ver isso, olhando nos olhos do animal. Ele nos ama incondicionalmente, e sempre estará ao nosso lado.
(Siegmar)
FULANA

OS CÃES LADRAM E A CARAVANA PASSA

Nunca pensei que viveria tanto para ver isto. A grande "potência" sendo obrigada a ficar quieta em seu canto, enquanto Russos e Chineses ditam as ordens.
Incrível as voltas que o mundo dá.
Obama, para conseguir se reeleger, ameaça aqui, ameaça lá, mas sabemos que a intenção é apenas conseguir mais alguns votos. No amor e na guerra vale tudo, dizem. Assim também é nas eleições, seja na América, seja onde for.
O mesmo acontece com Israel, se deixa fazer de gato e sapato, mas aguenta o caldo.
Agora entendo finalmente a expressão, "made in china", agora entendo o circulo quebrável das alianças.
Entendo agora, cada vez mais, uma frase um dia dita ao acaso, se não me engano, foi dita por Gorbachev, mas não tenho certeza, enfim, eis a frase:

"Como dizem em nosso país, na Ásia Central, o vento sopra, os cães ladram e a caravana passa."

Sim, foi tudo um engano, eu me enganei por anos, acreditando que apareceriam  homens visionários, visando apenas a paz. Mero engano, o que apareceu foram covardes, que em busca de um poder perpétuo, não exitariam um segundo em destruir um ao outro e o próprio mundo. A cobra que devora a si própria, existe um nome para isso, mas não me lembro.
Entendo agora sonhos que tive e pesadelos que deixei cair no esquecimento.
Sim, os cães ladram a minha volta e a caravana em breve irá passar, mas não sem deixar marcas e cicatrizes pelo seu caminho.

Olho nos olhos e percebo os sorrisos de Mona Lisa, mas os sorrisos que vejo, são falsos, cínicos e hipócritas. As frases se formam e diante da imagem são claras. Se prepara um caminho sem volta, se prepara uma cilada, não por nada, apenas por necessidade. Tudo está combinado, tudo é apenas uma questão de tempo, do quando, onde, como e quem, eis o principal, quem, quem  dará o primeiro passo.
O cão que ladra, ou o cão amordaçado? As marionetes ou o manipulador?
(Siegmar)

terça-feira, 21 de agosto de 2012

PAPAI NOEL EXISTE, PLANTA MACONHA E ....

Circula na internet um e-mail contando a história do que chamam de: "O presidente mais pobre e humilde do mundo".

Este e-mail conta em poucas palavras em como este senhor idoso é humilde, anda de fusquinha, mora numa casa simples que pertence a sua mulher e blá,blá, blá... um exemplo de virtude.

Estou falando do presidente do Uruguai, José Mujica. Um idoso, que como todo idoso deveria merecer respeito. Eu disse deveria, mas este cretino jamais irá merecer o meu respeito e não deveria receber respeito de ninguém.
Leiam a notícia abaixo e tirem suas conclusões.

O presidente do Uruguai, José Mujica, afirmou nesta segunda-feira que, se for aprovado o plano do governo para legalizar a venda de maconha, o país plantaria 150 hectares de cannabis para suprir a demanda de seus consumidores.
Em entrevista a emissoras de televisão, Mujica destacou que essa quantidade é mais que suficiente para sua iniciativa, que entrou no Parlamento para ser debatida no início de agosto e que pretende a legalizar a compra e a venda da droga e que o Estado se encarregue de todo o processo produtivo.
(Fonte - Terra Brasil)
A notícia continua, mostrando a "boa vontade" deste imbecil em destruir sua família, plantando e vendendo a preços módicos, seu novo produto hortigranjeiro.
Em breve Uruguai finalmente terá algo para exportar para todo o Mercosul e ao mundo. 
Solução genial, para acabar com o tráfico e os traficantes, a gente se torna traficante.
Alguns dirão que maconha é uma droga inofensiva, que deveria ser liberada e etc... Existe droga inofensiva?
Não estou aqui julgando as pessoas que fumam maconha, mas posso falar sobre o assunto e dar alguns exemplos do quanto esta droga é "inofensiva".
Na década de 70 eu era usuário de maconha, Fumava adoidado e era um "barato", um barato que sai caro. Como todo adolescente pobre, para conseguir comprar a droga, eu roubava dinheiro dos meus pais, parentes e amigos, sempre que a chance aparecia. Me envergonho desta época, mas hoje não me envergonho em falar sobre o assunto e me expor, para advertir famílias e amigos.
Eu roubava pequenos objetos, fazia qualquer coisa que podia para conseguir comprar a droga. Tinha amigos que faziam o mesmo e assim era o dia a dia. Afinal, viciado precisa fumar todos os dias, estar sempre de "cabeça feita" e curtindo um "barato". Mas eu sobrevivi e venci a este maldito vício, antes que ele me arrastasse a outras drogas. Muitos amigos não conseguiram, vi amigos partindo para drogas pesadas, destruir suas mentes e famílias. Vi amigos morrendo devido ás drogas, até mesmo pela "inofensiva" maconha.

Passei alguns meses internados num sanatório, até já contei neste blog sobre ter sido um dos bichos de sete cabeças no canto dos malditos. Deus me deu forças para vencer esta fase e seguir em frente de forma honrada e digna, mas deixei muita mágoa no caminho naqueles dias.
Nenhuma droga é inofensiva e a maconha, entre todas é a mais destrutiva, pois leva a outras drogas. E atualmente, qualquer droga pode ser facilmente obtida, em qualquer esquina. Quando saio para passear com meus cães, fico triste ao ver cada dia mais jovens, sentados em frente ás escolas e ao invés de estar nas salas de aula, estão do lado de fora fumando seu "baseadinho" ou alguns com seus cachimbos de crack. Triste realidade, sei o futuro que os aguarda.
E agora, depois de um Mercosul exportando drogas para todo o mundo, o que podemos esperar? Evo Morales da Bolívia planta e exporta cocaína, Venezuela e Equador seguem o exemplo. Cada dia mais lemos nos jornais sobre jovens sendo assassinados por traficantes e famílias destruídas.

É possível alguém querer que eu tenha respeito por este "cretino idoso? Ao meu ver este velho é um assassino, um lobo em forma de cordeiro, um homem perigoso que não sentirá nenhum remorso ou tristeza enquanto jovens forem enterrados e ao ver famílias destruídas. 
Cansei e estou farto de ver imagens de mães chorando ao lado do corpo de seus filhos, assassinados por traficantes, como o exemplo da imagem ao lado. Não apenas crianças e viciados, mas da mesma forma vejo e conheço famílias de policiais mortos por traficantes. E agora, com a maior naturalidade vem um assassino dizer que irá plantar 150 hectares de cannabis? Que tal plantar arroz, feijão, soja, enfim, alimentos para a população. Que tal plantar dignidade e respeito?
Resumindo: José Mujica é um assassino e o verdadeiro papai noel do traficantes e drogados.
(Siegmar)

domingo, 19 de agosto de 2012

O FIM DO MUNDO E A NOVA ARCA DE NOÉ, SEGUNDO REINALDO AZEVEDO

 

Dia desses passou na TV o filme 2012, uma bobajada dirigida por Roland Emmerich. Todo filme-catástrofe é igual, né? Sempre há alguns doidos sem credibilidade que percebem o risco primeiro (é o mito da Cassandra: ela está certa, mas ninguém acredita em suas previsões), os crédulos de bom coração, que têm a certeza de que nada vai acontecer (é a massa ignara, que nunca se dá conta da verdade verdadeira) e os que sabem de tudo. Se o filme é americano, este terceiro grupo se divide, invariavelmente, em duas caricaturas: a dos democratas (no filme 2012, o homem de estado generoso é negro, entenderam?) e a dos republicanos, que são pragmáticos, cínicos e egoístas, como nos comentários de Arnaldo Jabor… Eita! Comecei a falar sobre o filme, e o ponto deste texto nem é esse. Quando sentei aqui para escrever, pensava em outra coisa.


Em 2012, os governos sabiam do fim do mundo. Por isso financiaram secretamente a construção de arcas de Noé para dar início a uma nova civilização tão logo o planeta se estabilizasse. Até a rainha da Inglaterra está lá dentro — uma nova ordem não pode prescindir da monarquia. Estava aqui a pensar… Se o mundo fosse acabar, quem a gente enviaria para a arca? Quem iria carregar as tradições do nosso povo, sua elevada moral, seu jeito único de fazer as coisas, as tradições, o caráter altivo, o coração generoso, a bondade, o espírito destemido, o faro empreendedor, o heroísmo dedicado, a coragem? Eu tenho uma resposta: OS RÉUS DO MENSALÃO!

Isto mesmo: se o mundo for acabar, eu e Lewandowski (vamos ver mais quantos) estamos convencidos de que nunca antes na história da humanidade houve tal conspiração de probos. José Dirceu tem de estar nessa arca. José Luís de Oliveira Lima, no STF, afirmou que “pedir a condenação de José Dirceu é a mais atrevida e escandalosa afronta à Constituição”. Entendi que o deputado cassado por corrupção é uma espécie, sei lá, de protótipo do “sujeito constitucional”. E um homem assim, com essa experiência, tem contribuição a dar à nova civilização.
Também há de estar lá José Genoino — mesmo que fosse José Jesuíno, como o chamou às vezes seu advogado, Luiz Fernando Pacheco. Aprendi com ele que o petista, por sua honradez e caráter, é “um verdadeiro homem de esquerda” — e é claro que uma nova aurora, com os continentes redesenhados, não pode prescindir de um verdadeiro homem de esquerda e do impressionante senso de justiça dos esquerdistas.

Marcos Valério tem lugar garantido. Quem, afinal, vai cuidar, sei lá como chamar, da licitude dos negócios no Novo Mundo? Foi Marcelo Leonardo, seu advogado, quem garantiu sua passagem ao afirmar as qualidades empreendedoras de Valério, lembrando ainda que suas empresas jamais se envolveram em ilegalidade. Eu sei que a nova civilização fatalmente acabará criando “mídia”, essa coisa perniciosa, que persegue os honestos. Leonardo mandou ver: “Marcos Valério não é troféu ou personagem para ser sacrificado em altar midiático”. É isto: um novo amanhã precisa de alguém que carregue essa memória de resistência à canalhice jornalística para que não se caia na tola tentação de criar, de novo, uma imprensa livre. É verdade que o advogado admitiu que o empresário lidou com dinheiro de caixa dois, coisa menor. Quem sabe os homens do porvir percebam que dinheiro é sempre uma coisa… legal!

Que arca pobre seria essa sem um outro inocente, Delúbio Soares! Destaco este trecho da defesa de seu advogado, Arnaldo Malheiros: “O PT não podia fazer transferência bancária porque o dinheiro era ilícito mesmo. Delúbio não se furta a responder ao que é responsável. Ele operou caixa dois? Operou. É ilícito? É. Ele não nega. Mas ele não corrompeu ninguém”. Como um defensor fala pelo réu, Delúbio tem de estar no arca dos bons porque é, antes de mais nada, um homem sincero. A nova humanidade precisará de figuras que, diante da rigidez legal, conseguem saídas criativas, que tornam a sociedade mais funcional e maleável. Mas corromper? Isso nunca!
Os amanhãs que cantam precisam de razão e sensibilidade. Precisam de arte. Por isso José Carlos Dias garantiu a presença de Kátia Rabello, dona do Banco Rural, na arca dos sem-mácula. Uma frase sua me marcou: “Ela é uma mineira séria”. E eu não posso imaginar uma nova civilização sem a experiência de mineiras sérias — já que dois mineiros sérios, até aqui, têm assentos reservados: José Dirceu e Marcos Valério. Não podemos deixar a arte de lado. O advogado lembrou que ela é “uma bailarina, uma artista”. O novo homem, que nascerá dos escombros do velho, tem de acolher, além do bom e do justo, também o belo.

Destaco apenas alguns, mas espero que aqueles que não foram citados aqui não fiquem chateados. Todos merecem estar na arca porque estou convencido de que não são apenas inocentes… Isso é muito pouco. Seria só uma qualidade que se evidencia pela negação. Eu quero afirmar a qualidade positiva de todos eles: são verdadeiras referências morais; são exemplares do que a civilização brasileira produziu de melhor. Tanto é assim que a conspiração da maldade, da inveja e da maledicência os fez réus. Mas, para estes maus, não haverá lugar na arca! Não pensem que haverá jornalistas da imprensa independente dividindo lugar com girafas, rinocerontes e serpentes. Na galeria dos animais, só entrarão representantes do JEG. O poder que há de se instalar precisará de áulicos para reportar “a” verdade. Como só haverá uma, terá fim o conflito de opiniões, um dos males que corroem o sistema democrático — que vai acabar, é claro! Chega de bagunça!
Espero que os 11 ministros do Supremo tenham clareza da grande obra realizada por esses heróis. Mais do que a absolvição, eles merecem ser tratados como os fundadores de uma nova civilização. E, é claro, assentos serão reservados para os ministros que forem justos com essas grandes almas.

Por Reinaldo Azevedo

CRIMES QUE NUNCA SERÃO PUNIDOS, E AINDA SE FALA EM JUSTIÇA?

Milhares de pintos são enterrados vivos em vala na Grande Florianópolis

17 de agosto de 2012 às 13:20


Funcionário da granja chuta animais vivos para dentro da vala (Foto: G1)
Cerca de 114 mil pintos foram enterrados vivos na quarta (15) e quinta-feira (16) em uma granja em Paulo Lopes, na Grande Florianópolis. Também foram jogados fora ovos contendo pintos prestes a nascer (veja o vídeo). De acordo com o dono do estabelecimento, falta ração para os animais.
Produtores de todo o estado estão com dificuldades semelhantes. Em Nova Veneza, no Sul de Santa Catarina, o criador Ovidio Frigo, que possui 20 mil frangos, está economizando ração fornecida pela empresa há quatro meses. O avicultor lamentou “A gente tem que tirar do próprio bolso para manter o aviário em funcionamento. O que a gente está recebendo realmente não está cobrindo as despesas”.
Outros produtores preferiram interromper a produção. Maria Helena Alexandre, de Siderópolis, também no Sul do estado, está esperando a situação se normalizar para não deixar os animais com fome.”É melhor ficar parado do que ficar trabalhando no prejuízo”, explicou.
Segundo a empresa fornecedora de ração, as razões para o problema são o aumento na exportação do milho e o excesso de chuvas que ocorreram no Paraná e Mato Grosso.

Fonte: G1

Nota da Redação: Estamos diante de mais uma cena de horror protagonizada pela indústria da carne: filhotes agonizando de pavor, sendo chutados e jogados como lixo para dentro de uma vala. Quando a humanidade compreenderá que animais não existem para serem explorados, torturados e escravizados para o consumo? Os animais não humanos, como nós, possuem o direito à vida e à liberdade, sendo portanto cruéis as indústrias de ovos, leite e carne, além de todas as outras que se utilizam do sofrimento dos animais para obterem seus lucros.

Vida e dignidade perderam o valor, perderam o sentido. Num mundo onde pessoas morrem de fome, animais que são alimento e produzem alimento, são enterrados vivos.
Cada vez mais tenho vergonha de pertencer a assim chamada "humanidade" a obra perfeita do Criador. Obra perfeita?
(Siegmar)

sábado, 18 de agosto de 2012

OS TUMORES CANCEROSOS DA HUMANIDADE

Impossível não comentar a recente declaração do assassino Ahmadinejad, (amigo de Lula), sobre Israel. O que se pode esperar de um ditador criminoso?
Seguem em imagens mais alguns excrementos que não apenas defendem, como apoiam as palavras do verme Ahmadinejad.
Lula com absoluta certeza irá declarar que não apenas o holocausto nunca existiu, como também irá aproveitar a ocasião dizendo que igualmente o MENSALÃO também nunca existiu.
Vou agora mostrar em imagens a repercussão das palavras de Ahmadinejad.

Ao lado, nossas "otariodades" que desprezam declarações deste tipo. Hehehe....


 Hugo Chávez disse até que iria disistir da próxima eleição depois destas palavras, pois, "cristão" como é, jamais poderia "concordar" com um absurdo destes.
 Já Evo Morales, além de injuriado, prometeu que iria transformar as plantações de coca em cultivo de guaraná e hortaliças, para alimentar seu povo e livrar o mundo das drogas, pois de drogas, basta Ahmadinejad.
 Rafael Correa se juntou ás palavras de Evo Morales e igualmente prometeu lutar contra as drogas e ajudar a acabar e exterminar com as FARCS que matam, sequestram e emporcalham a America do Sul.
Fidel disse que agora só lhe resta morrer. Jamais esperava uma declaração tão dura e injusta contra Israel. Se tornará aliado dos EUA para acabar de vez com os ditadores espalhados pelo mundo, principalmente os ditadores com pensamentos imundos como os de Ahmadinejad, a quem considerava um filho "bastardo".
Putin, como eu já disse, para protestar e mostrar ao mundo que gosta de "pussi" Riot, irá libertar as meninas e jamais voltará a fornecer armas e comprar petróleo do amigo Ahmadinejad.
 Hu Jintao, depois disto, irá adotar a total democracia em seu país. Igualmente jurou não mais financiar Ahmadinejad e Al Assad, lhes fornecendo armas e comprando seu sujo petróleo. A China irá construir seus próprios poços de petróleo e em represália às duras palavras, irá libertar todos os presos políticos.
Al Assad, fora renunciar e deixar o poder disse que irá se mudar para a Turquia e lá tentar recomeçar a sua vida com respeito e amor, muito amor.

No entanto, apesar de todos ''repudiarem '' e protestarem contra as duras palavras de Ahmadinejad contra Israel, todos estes cavalheiros, (excrementos da humanidade) se prontificam a dar asilo político imediato ao amigo Ahmadinejad, caso seja necessário.
Eu poderia ainda citar mais alguns, que da mesma forma se sentiram "magoados e ofendidos" com as duras palavras, mas ninguém iria acreditar se eu contasse, diria que sou maluco e que estou mentindo, assim deixo a imaginação de todos voar livremente.
(Siegmar)