''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




quarta-feira, 31 de março de 2010

ALMIR PIAZZANOTTO PINTO


Almir Pazzianotto Pinto

No dia 15 de março completaram-se vinte e cinco anos do final do regime militar. Eleito pelo colégio eleitoral - com a oposição do PT - o doutor Tancredo Neves, que atingira a idade de 75 anos no dia 10, preparava-se para a posse. Católico, assistira, na noite do dia 14, missa no Santuário Dom Bosco, rezada por dom João Resende Costa, arcebispo de Belo Horizonte.

Por volta de 21 horas, acometido de fortes dores, o doutor Tancredo foi levado ao Hospital de Base, em Brasília, para ser operado de complicações no divertículo. No dia 21 de abril, após longo sofrimento, o doutor Tancredo faleceu, trazendo irreparável vazio ao cenário político.

Raras vezes estive com o doutor Tancredo. À época era secretário do Trabalho do governo Franco Montoro. O primeiro encontro ocorreu no Palácio das Mangabeiras, sede do governo de Minas Gerais, em almoço do qual participaram líderes do PMDB. Em determinado momento, o governador pediu-me informações acerca da estrutura sindical. Disse-lhe o que pensava, destaquei o problema do peleguismo e declarei que a solução consistia na ratificação da Convenção 87 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), que trata da autonomia de organização e garante liberdade de sindicalização.

Com o doutor Tancredo já eleito, soube pelo doutor Roberto Gusmão, secretário de Governo, de iminente reunião com o doutor Francisco Dornelles, futuro Ministro da Fazenda. O encontro deu-se em São Paulo, ocasião na qual fui informado de que assumiria o Ministério do Trabalho. Nos últimos dias de fevereiro compareci à Granja do Torto, onde o doutor Tancredo recebeu-me, dizendo que me convocava para “sofrer com ele durante quatro anos”.

O decreto designando-me ministro acha-se assinado pelo doutor Tancredo na qualidade de presidente da República e é datado de 15 de março de 1985. Quem me entregou cópia foi o ministro-chefe da Casa Civil, José Hugo Castelo Branco, acompanhada de mensagem pessoal. O documento de posse contém o autógrafo do vice-presidente José Sarney.

Antes da nomeação já me encontrava incumbido da tarefa de negociar entendimento entre governo, patrões e trabalhadores. O doutor Tancredo julgava fundamental, para a recuperação econômica, e o sucesso do período de transição, que se fizesse algo semelhante aos pactos celebrados na Espanha, após a morte de Francisco Franco, em 1975, com a instituição do regime monárquico democrático. Seis importantes acordos, o primeiro conhecido como Pacto de Moncloa, haviam sido negociados, entre 1977 e 1984, pelo ministro Adolfo Suarez com a Confederação Espanhola de Organizações Empresariais (CEOE) e a União Geral dos Trabalhadores (UGT), para tornar possível, em clima de tranquilidade sindical, a estabilidade da moeda, a retomada do desenvolvimento e a criação de empregos. A revista Senhor, de 9 de janeiro de 1985, contém entrevista do doutor Tancredo a Mino Carta, na qual revela desejar “uma trégua para organizar o pacto social que poderá remeter o País a um novo patamar de crescimento”.

As reações ao pacto foram divergentes. Enquanto Joaquim dos Santos Andrade, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e da Conclat demonstrava reconhecer a crise e se revelava disposto a colaborar, a associação CUT-PT entrava em guerra contra o doutor Tancredo.

Antes de esboçar qualquer tentativa de se entender com o futuro governo, um desvairado Jair Meneguelli panfletava fábricas com a seguinte mensagem: “Metalúrgicos vão à greve contra o pacto”. O Jornal da Tarde, na edição de 11 de fevereiro daquele mesmo ano, estampava as manchetes: “A CUT e o PT declaram guerra a Tancredo”, “Os trabalhadores metalúrgicos do ABC vão à luta já, contra o pacto”.

Os fatos revelariam que PT e CUT não blefavam. Em abril, a CUT ocupou a fábrica da General Motors, instalada em São José dos Campos, submetendo a cárcere privado 370 funcionários, vítimas de violências e humilhações. Na manifestação de 1.º de maio, realizada na Praça da Sé, Meneguelli bradava: “Vamos parar o Brasil de norte a sul”. E o Brasil havia sido paralisado.

Em 24 de junho de 1985, o presidente Sarney convidou as lideranças sindicais para ampla reunião na Granja do Torto, a fim de se discutir como deter a inflação e reduzir perdas salariais. Compareceram todos à exceção da CUT, empenhada no boicote do governo.

Jamais saberemos como seria o Brasil se o doutor Tancredo houvesse governado. A história, porém, é implacável e registra que o PT e CUT foram os maiores responsáveis por vinte anos de atraso, até que o País voltasse à estabilidade e ao desenvolvimento graças ao Plano Real.

Almir Pazzianotto Pinto é advogado; foi ministro do Trabalho (1985-1988) e ministro do Tribunal Superior do Trabalho (1988-2002).

http://parana-online.com.br/colunistas/201/75597/.

É GRAÇAS A PESSOAS COMO O SR.PIAZZANOTTO
QUE PODEMOS DIZER AINDA EXISTIR DIGNIDADE
EM NOSSO PAÍS.

SEJA MUITO BEM VINDO JOSÉ SERRA!


Por Carolina Freitas, Agencia Estado, Atualizado: 31/3/2010 17:47

'Meu governo nunca cultivou roubalheira', diz Serra

Em seu discurso de despedida do governo de São Paulo, o presidenciável do PSDB, José Serra, colocou o caráter e a honra como pontos centrais de seu estilo de governar. "Os governos, como as pessoas, têm de ter caráter e índole. Este é um governo de caráter", disse. "Os governos têm de ter honra. Aqui não se cultivam escândalos, malfeitos ou roubalheiras. Nunca incentivamos o silêncio da cumplicidade e da conivência com o malfeito."

Serra discursou por 53 minutos para um público de ao menos 4,5 mil pessoas - sentadas no auditório ou de pé nos jardins do Palácio dos Bandeirantes. Foram instaladas televisões no hall do prédio e dois telões na parte externa.

O tucano agradeceu o trabalho de sua equipe e o apoio da população. Sem citar as próximas eleições, falou sobre a "nova etapa" de sua vida. "Olho para trás e ganho força para a etapa que nos espera. Ingresso nela com disposição, força e fé", disse. Citou os dizeres do brasão do Estado para falar de sua missão. "'Pelo Brasil, façam-se as grandes coisas.' É o destino de São Paulo e a nossa missão. Vamos juntos. O Brasil pode mais."

"Jamais incentivei falanges que fossem prejudicar eventuais adversários"
José Serra

O ''ANJO'' DA CORRUPÇÃO



As pessoas se surpreendem nos resultados
de pesquisa que revelam a popularidade de Lula.

75%,não deveria surpreender ninguém.

Ora, esta pesquisa é feita entrevistando-se
cerca de duas mil pessoas.

Destas, 1500 pessoas são entrevistadas
dentro dos próprios redutos do PT.

As outras 500 pessoas, são escolhidas a
dedo dentro dos presidiários.

Assim, não deveria surpreender ninguém,
bandido gosta de bandido. Ladrão apóia
ladrão e ''petralha'',bom,estes abaixam as
calças para qualquer um.

Eu já fiz minha própria pesquisa,inclusive
enviei o resultado para o jornal que a
publicou.

Minha pesquisa foi dirigida para pessoas
decentes, honestas e trabalhadoras.

E adivinhem, o indice de popularidade de
Lula, Dilma e a corja toda, é ZERO%.

Faça sua própria pesquisa e todos irão
chegar a mesma conclusão.

SÓ A IMUNDICE APÓIA A IMUNDICE.

SIEG.


AS IMAGENS FALAM POR SÍ.
LULA APÓIA BANDIDO E BANDIDO APÓIA LULA.


DILMA APÓIA BANDIDO E BANDIDO APÓIA DILMA.

UMA DAS PROVÁVEIS CONSEQUENCIAS DO DESMATAMENTO

terça-feira, 30 de março de 2010

POR UM BRASIL DECENTE

Basta de incomPTência no Brasil !
Basta de corruPTos no País !


Esta é minha Bandeira, nela não há espaço
para estrelas vermelhas.
Quero de volta a honestidade e seriedade,
quero de volta a justiça e a liberdade.

SALMO 15

''BEM AVENTURADOS OS QUE TÊM FOME E SEDE
DE JUSTIÇA,PORQUE SERÃO FARTOS.''
Matheus, 5/6




SALMO 15


1 Quem, Senhor, habitará na tua tenda? quem morará no teu santo
monte?

2 Aquele que anda irrepreensivelmente e pratica a justiça, e do
coração fala a verdade;

3 que não difama com a sua língua, nem faz o mal ao seu próximo, nem
contra ele aceita nenhuma afronta;

4 aquele a cujos olhos o réprobo é desprezado, mas que honra os
que temem ao Senhor; aquele que, embora jure com dano seu, não
muda;

5 que não empresta o seu dinheiro a juros, nem recebe peitas
contra o inocente. Aquele que assim procede nunca será abalado.

MAIS DO QUE NENHUM OUTRO SALMO, ESTE PEQUENO SALMO 15
NOS FALA EXATAMENTE NO QUE OS SERES HUMANOS SE TORNARAM.

ATUALMENTE, OS ''RÉPROBOS'', QUE PARA OS MENOS ESCLARECIDOS,
SIGNIFICA,''OS MALVADOS, BANDIDOS, CORRUPTOS,'' ESTES SÃO
ADORADOS E AMADOS, BASTA VER O ÍNDICE DE APROVAÇÃO DADO AO
NOSSO ATUAL, ''PRESI MENTE.''

PEITAS, QUE SIGIFICA, ''SUBORNO'', SÃO NEGOCIADOS A
TODO INSTANTE ENTRE NOSSOS POLÍTICOS
E PRINCIPALMENTE PELO JUDICIÁRIO, QUE SE DEIXOU CORROMPER
E ASSIM, DEIXOU DE EXISTIR.
SIEGMAR

domingo, 28 de março de 2010

NÃO ABANDONE SEU MELHOR AMIGO


UMA PEQUENA HOMENAGEM A TODOS OS ANIMAIS QUE FORAM ESTUPIDAMENTE ABANDONADOS POR SEUS ''SUPOSTOS'' TUTORES.
ESTES,TIVERAM SORTE DE SEREM RECOLHIDOS.
MAS QUANTOS OUTROS PERAMBULAM ESFOMEADOS E DOENTES POR NOSSAS RUAS E, AS PESSOAS NEM AO MESMO SE DIGNAM DE DAR UMA SEGUNDA OLHADA?
ATÉ QUANDO A INDIFERENÇA E A IGNORÂNCIA IRA PREVALECER SOBRE A RAZÃO E A MISERICÓRDIA?
A ALEGRIA DE VIVER DESTES ANIMAIS FOI RECUPERADA.
VOCÊ TAMBÉM PODE AJUDAR,
ADOTE UM ANIMAL ABANDONADO.
NÃO COMPRE ANIMAIS.

sábado, 27 de março de 2010

GRACIALAVIDA

Hoje, enviaram-me esta foto abaixo...Afinal, onde a raça humana perdeu o amor?

GRACIALAVIDA
Como eu gostaria de saber a resposta
para a sua pergunta Gracialavida.
Me pergunto isso diariamente,mas,
quando encontro pessoas que ainda fazem
a mesma pergunta,surge uma outra resposta,
''ainda existe esperança.''

AS BANDEIRAS DO SUPER JÉCA LULA

ESTAS SÃO AS VERDADEIRAS BANDEIRAS QUE O
NOSSO PRESI-MENTE DEFENDE DE VERDADE.
A ÚLTIMA É A CRIPTONITA QUE LHE QUEBROU A CARA.

BANDEIRA DA VENEZUELA

BANDEIRA DO IRÃ

BANDEIRA DE CUBA

BANDEIRA DE HONDURAS

E A HISTÓRIA COMEÇA A SE REPETIR...

“Das war ein Vorspiel nur, dort wo man Bücher verbrennt, verbrennt man am Ende auch Menschen”

(”Aquilo foi somente um prelúdio; onde se queimam livros, queimam-se no final também pessoas”).


BERLIN

E a história começa a se repetir

Em Berlin, em frente à Universidade de Humboldt,
existe um monumento para lembrar a humanidade de
um dos dias mais escuros de 1933.

UNIVERSIDADE DE HUMBOLDT

Este monumento, uma vitrine no chão, onde se vêem
estantes vazias, relembram a queima de livros promulgada
pela ignorância dos nazistas.



No decorrer desta semana acompanhamos a repetição
deste triste episódio da história mundial, quando
professores em greve em São Paulo, queimaram
livros durante seus protestos.

Primeiramente deve ficar claro que não se tratavam de
professores, mas sim de vândalos infiltrados pelo atual
regime ‘’nazista’’ no poder.
Professores jamais queimariam livros, assim como os
verdadeiros sem terra jamais invadiriam propriedades
destruindo seus animais e plantações.
Todos os brasileiros que ainda tem respeito pelo seu País
sabem o que acontece. Não é necessário ser intelectual
para ver o que se passa por detrás das cortinas.
Os grandes interessados em continuar explorando e
roubando nossa Nação, desde já tentam desmoralizar
o candidato da oposição, que nem ainda sequer oficializou
sua candidatura. Apenas continua seguindo seu caminho,
sem falsas e descaradas propagandas antecipadas, nem
desafiando o Supremo.
Professores jamais queimariam livros,
pois sabem do seu valor, têm educação e cultura.
Mas um ‘’presidente’’ que afirma jamais sequer ter lido
um livro,
este sim é capaz de incitar os baderneiros representantes
de seu partido, para cometer estes atos de ignorância e
tantos outros como temos presenciado nos últimos anos.
Afinal ele tem todo o interesse num terceiro, quarto,quinto
e quem sabe, como seus amigos Chávez e Fidel, um mandato
vitalício, não importando se com codinomes como, Dilma,
Lula ou José Dirceu, no futuro, quem sabe?
Começou com a queima de livros, na próxima vez, talvez sejam
nossas igrejas e sinagogas que serão queimadas, talvez
ainda tenhamos nossa própria noite dos cristais.

Siegmar Metzner - Curitiba
TEXTO PUBLICADO NO JORNAL
O ESTADO DO PARANÁ.
EDIÇÃO, 31/03/2010

Quem você prefere como presidente? Quem cria hospitais ou quem manda queimar livros em praça pública?
A ESCOLHA É SUA!
Cida Fraga


MARIA IZABEL NORONHA (Lider sindicalista)
com Lula.

Acima a declaração desta tão ''educada''
senhora.
Após verem esta foto e lerem seus
comentários, alguém ainda acredita
que foram professores que queimaram
os livros?
Leiam atentamente onde diz,''presidente
do sindicato,ligado ao PT.''
Mereceria uma profunda investigação, quem
sabe um dia surjam homens de verdade neste
País e coloquem na cadeia toda essa corja
safados.
Gentalha,gentalha,gentalha, como diria
o Kiko.

sexta-feira, 26 de março de 2010

JÁ ABANDONOU SEU CACHORRO HOJE? Parte 1 e 2



Dois vídeos curtinhos e de uma assertividade incrível, lixo...gente...cachorros...crianças. Saúde.
definitivamente não somos a Capital Ecológica...nem pelos cidadãos nem pela Administração Pública...´que vergonha!


SEM UMA POLÍTICA SÉRIA SOBRE CASTRAÇÃO
EM MASSA, NUNCA HAVERÁ SOLUÇÃO PARA ESTA
TRISTE SITUAÇÃO.
CONCIENTIZAR AS PESSOAS É IGUALMENTE
IMPORTANTE, MAS A IGNORÂNCIA DAS PESSOAS
PARECE AUMENTAR A CADA DIA QUE PASSA.
NÃO APENAS DE PESSOAS DE BAIXA RENDA,
MAS TAMBÉM DE CLASSES MAIS PREVILIGIADAS,
QUE COMPRAM SEUS ANIMAIS EM PET SHOPS, PARA
MIMAR SEUS BASTARDOS E, QUANDO ESTES SE
CANSAM DE SEUS NOVOS BRINQUEDOS, AS
DONDOCAS E OS DONDOCOS OS ABANDONAM NA
PRIMEIRA ESQUINA.
POUCAS PESSOAS SE DIGNAM A PROCURAR UMA
DESTAS ONGS APRESENTADAS NO VÍDEO PARA
ADOTAR UMA DESTAS PEQUENAS CRIATURAS,
MAS CENTENAS PREFEREM PARAR SEUS CARRÕES
NUM PET E COMPRAR FILHOTES PARA SEUS
MIMADOS.
E CURITIBA SEGUE COM O ABSURDO TÍTULO
DE CIDADE ECÓLOGICA, ASSIM COMO OS
CURITIBANOS SEGUEM COM SEUS NARIZES
EMPINADOS PENSANDO QUE SÃO GENTE.
CUIDANDO DE ANIMAIS NESTES ÚLTIMOS DOZE
ANOS, CONHECI GENTE DE TODA ESPÉCIE E
POSSO DIZER QUE A IGNORÂNCIA PREVALECE
NA MAIORIA DELES.
ASSIM, OU ALGUÉM SURGE COM UMA IDÉIA E
TRABALHO DE CASTRAÇÃO EM MASSA, OU ISTO
NUNCA IRÁ MUDAR, SÓ VAI PIORAR.
POIS, TENTAR CONCIENTIZAR IGNORANTES É
PURA PERDA DE TEMPO.

JUSTIÇA SEJA FEITA / INTERPOL




Interpol

A inclusão do nome de Paulo Maluff na lista de procurados
pela Interpol chegou em momento oportuno.
Em tempos onde estamos quase desacreditando na
Justiça, eis que ela nos mostra seu semblante.
Mesmo sendo uma justiça estrangeira, é bem vinda.
Podemos começar a sonhar e ter esperanças de um dia,
talvez, vermos outros nomes incluídos:
Bibinhos, Delúbios, Josés, como Dirceu, Genuíno,
Arruda e outros tantos nomes de companheiros de
partido e desvios.
Pena que a nossa ‘’justiça’’ não se una à Interpol e
exporte logo este tão ‘’honesto’’ pessoal.
Ruim, no entanto, é que se forem incluídos na lista
ficarão estagnados por aqui mesmo, impedidos de
viajar. No entanto, nossas verbas desviadas seriam
reintegradas ao País, pois teriam que gastar
aqui mesmo o dinheiro de seus mensalões.
Consolo para eles seria, no entanto, ainda poderem
circular e viajar livremente para Cuba, Venezuela,
Bolívia, Paraguai, Irã e, quem sabe Coréia do Norte,
países estes, que os receberiam de braços abertos.
No momento isto ainda está num futuro distante,
muitos mensalões ainda serão pagos até que está
profecia ou sonho se realize.

Siegmar Metzner - Curitiba
JORNAL O ESTADO DO PARANÁ
26/03/2010




quinta-feira, 25 de março de 2010

PARA LEMBRAR A ESTUPIDEZ HUMANA

KIZ ÇOCUĞU - JOAN BAEZ


Sayonara

IRENA SENDLER / para lembrar todos os dias

*15/02/1910 +12/05/2008
A Mãe das crianças do Holocausto


“ A razão pela qual resgatei as crianças tem origem no meu lar, na minha infância. Fui educada na crença de que uma pessoa necessitada deve ser ajudada com o coração, sem importar a sua religião ou nacionalidade. - Irena Sendler ''
In MEMORIAM - 63 YEARS LATER
In Memoriam - 63 anos depois

Uma senhora de 98 anos chamada Irena acabou de falecer.
Durante a 2ª Guerra Mundial, Irena conseguiu uma autorização para trabalhar no Gueto de Varsóvia, como especialista de canalizações.

Mas os seus planos iam mais além... Sabia quais eram os planos dos nazis relativamente aos judeus (sendo alemã!)

Irena trazia meninos escondidos no fundo da sua caixa de ferramentas e levava um saco de sarapilheira, na parte de trás da sua camioneta (para crianças de maior tamanho). Também levava na parte de trás da camioneta, um cão a quem ensinara a ladrar aos soldados nazis quando entrava e saia do Gueto.
Claro que os soldados não queriam nada com o cão e o ladrar deste encobriria qualquer ruido que os meninos pudessem fazer.
Enquanto conseguiu manter este trabalho, conseguiu retirar e salvar cerca de 2500 crianças.
Por fim os nazis apanharam-na e partiram-lhe ambas as pernas e os braços e prenderam-na brutalmente.

Irena mantinha um registo com o nome de todas as crianças que conseguiu retirar do Gueto, que guardava num frasco de vidro enterrado debaixo de uma arvore no seu jardim.
Depois de terminada a guerra tentou localizar os pais que tivessem sobrevivido e reunir a familia. A maioria tinha sido levada para aa camaras de gás. Para aqueles que tinham perdido os pais ajudou a encontrar casas de acolhimento ou pais adoptivos.
Foi proposta para receber o Prémio Nobel da Paz... mas não foi seleccionada: quem o recebeu foi Al Gore.

Não permitamos que alguma vez, esta Senhora seja esquecida!!




Tradução do cartoon:
Menina: Tenho que lhe dizer uma coisa, senhor... Tem no seu braço uma tatuagem sem graça nenhuma. É só um montão de numeros.
Senhor: Bem teria a tua idade quando ma fizeram. Mantenho-a como uma recordação.
Menina: Oh! ... Uma recordação de dias mais felizes?
Senhor: Não, de um tempo em que o mundo ficou louco.
"Imagina-te a ti mesma num país em que os teus compatriotas seguem a voz de um político extremista que não gostava da tua religião.
Imagina que te tiravam tudo, que enviavam toda a tua familia para um campo de concentração, para trabalhar como escravos, e ser assassinados sistemáticamente. Nesse sitio tiravam-te até o teu nome para ser substituido por um número tatuado no teu braço.
Chamou-se a isso O Holocausto, quando milhões de pessoas foram mortas só pelas sua crenças religiosas..."
Menina: Então tu usas essa tatuagem para recordares o perigo das políticas extremistas!
Senhor: Não, querida. É para que tu o recordes.



Passaram já mais de 60 anos, desde que terminou a 2ª Guerra Mundial na Europa. Este e-mail está a se reenviando como uma cadeia comemorativa, em memória dos 6 milhões de judeus, 20 milhões de russos, 10 milhões de cristãos e 1.900 sacerdotes católicos que foram assassinados, massacrados, violados, motos á fome e humilhados com os povos da Alemanha e Russia olhando para o outro lado
Agora, mais que nunca, com o Iraque, Irão e outros proclamando que O Holocausto é um mito, é imperativo assegurar que o Mundo nunca esqueça.
A intenção deste e-mail é chegar a 40 milhões de pessoas em todo o mundo
Une-te a nós e sê mais um elo desta cadeia comemorativa e ajuda a distribui-la por todo o mundo..
Por favor, envía este e-mail às pessoas que conheces e pede-lhes que não interrompam esta cadeia.

quarta-feira, 24 de março de 2010

BRASIL, PAÍS DE CANALHAS


BRASIL, PAÍS DE CANALHAS

Por Anakronikus

Oito anos de governo petista.
Tempo mais que suficiente para que eles transformassem este país num país de canalhas.
O petismo, outrora vestal da ética, conseguiu em tão pouco tempo promover a canalhice a Instituição nacional.
O brasileiro já não se envergonha mais de Renan, Collor, Vaccari, Delúbio e tantos outros que desfilaram pelas páginas político-criminais dos meios de circulação.
Nada mais assusta. Nada mais é anormal.
Tudo vai bem, na república dos canalhas.
Lula e sua quadrilha ideológica transformou o povo brasileiro num perfeito canalha regozijado.
A ponto de transformar inocentes patriotas como Francenildo, o caseiro de Paloci, em algo estranho, anacrônico e fora dos padrões normais. Bacana é a Jeany Mary Corner que fornecia as prostitutas para diversão da República de Ribeirão.
Sarney é o cara para o outro Cara. Ele é o símbolo do homem não comum para Lula e sua quadrilha.
Na agonia da fome, por opção de protesto, em tributo à liberdade de um povo, dissidentes cubanos são desmerecidos pelo falso dissidente brasileiro. São comparados aos assassinos comuns trancafiados pelos mais tenebrosos crimes que cometeram. E tudo é normal. Faz parte do Sistema.
O roubo descarado de bilhões de reais pelos mais diversos e criativos meios usados pela quadrilha governista é coisa, digamos assim, que foi herdada dos "desmandos do passado", nunca sendo atributos perpetuados pelos escândalos que sempre rondaram o petismo.
Celso Daniel, o cadáver insepulto, Toninho do PT e outros tenebrosos e insolúveis casos, são os desprezíveis "crimes ideológicos".
Mas Lula, Lula é o Cara para os brasileiros.
Não importa a canalhice cometida por ele, o brasileiro acha que Lula é o Cara.
Lula mente descaradamente e o brasileiro acha graça por que acha que ele é o Cara.
A Justiça, eterna guardião das Leis, também acha que Lula é o Cara. Temerosa da patrulha armada pela quadrilha, tímida, ela se subjuga. E o que vemos?
Sentenças com rebuscadas palavras, defesas disfarçadas sob o manto dos "aspectos legais" que, sob o argumento de auscultar a voz rouca das ruas, produzem injustiças clamorosas, encerrando em suas irretocáveis retóricas, a submissão vergonhosa ao medo indisfarçável da patrulha.
Para eles também, Lula é o Cara.
O Congresso brasileiro, outrora casa de ilustres defensores da democracia e da retidão de caráter, hoje verga sob os escombros da imunda biografia de Sarney e Renan, para ficar nos principais.
Custo a crer que o brasileiro se olhe no espelho e se veja como o Cara.
Não creio que o brasileiro se olhe no espelho e se veja como Sarney e Renan, embora o Cara os tenha trazido para dentro de sua quadrilha.
Porém, mais da metade dos brasileiros acham que esse imbecil, é o Cara e aprovam tudo o que ele faz.
O Brasil está sendo pautado pela baixeza cultural e moral do Cara e de sua quadrilha.
Em doses homeopáticas, o Cara e sua quadrilha vai nos enfiando pela goela abaixo, o "politicamente correto", sua ideologia comunista barata, o inchaço da máquina pública, os sucessivos e não apurados escândalos, obras de mentirinha com gastos astronômicos, duvidosos e nem tanto, uma candidata com ficha imunda e passado tenebroso, associações políticas com a banda podre da política brasileira e tudo isso vai sendo digerido pelo povo brasileiro como acontecimentos normais, que se sucedem na vida de qualquer brasileiro.
Estamos reféns do Socialismo possível do Cara.
Estamos, todos nós, enredados na teia dessa aranha socialista que quer ver este País subjugado pela excrescência de uma ideologia assassina como a de Fidel.
Nesse mar de coisas fétidas boiando, a gente fica quase sem saber o que fazer ou como reagir.
Nós, somos os anormais.
Nós somos os anacrônicos.
Nós somos os excluídos.
O Cara conseguiu.
O Cara destruiu o sentido exato da palavra RAZÃO.
Não temos razão de reclamar, afinal, tudo vai bem neste país segundo as pesquisas.
Não temos razão de ser contra o que aí está, grande parte do povo não quer mudanças.
Não temos razão de recorrer à justiça, pois a razão expressa na Lei é re-interpretada, justamente para tirar de nós, a razão.
Não temos razão de expressar nossa contrariedade, pois a razão deles nos impõe a pecha de adversários da democracia que eles conseguiram transformar em normal.
A Razão deles é a nossa falta de razão.
E a nossa "falta Razão", é o motivo encontrado pela quadrilha para nos colocar a pecha de anti-democráticos e golpistas.
Seus crimes, mesmo que exaustivamente comprovados, são considerados como peças comprobatórias da nossa tentativa de derrubar o "regime democrático" que eles afirmam praticar.
Sinceramente?
Às vezes, me sinto um perfeito idiota.
Às vezes eu me sinto um perfeito idiota ao defender a democracia que um dia lutei para preservar.
Às vezes me sinto um idiota quando vejo meu País sendo atravessado em seu coração de estudante, pela mais rasteira e imunda atuação política de um presidente da república.
Às vezes me sinto um idiota quando vejo a Constituição Cidadã, promulgada por Ulysses Guimarães, sendo rasgada, destruída, cuspida por essa cambada de ladrões com apoio de amplos seguimentos de nossa míope justiça e de nossa vendida imprensa.
Às vezes me sinto um idiota, por que muitos dos meus irmãos brasileiros acham que Lula, é o Cara.
Lula, o Cara, é hoje o líder dos picaretas de outrora.
Não sei você prestou atenção.
Mas eu disse, "às vezes".
Sabem por quê?
Por que sou brasileiro e, como brasileiro que sou, eu não desisto por que não vou me conformar em ser o idiota que eles querem que a gente seja.
Não vou ser igual ao Cara que todos os dias zomba de nossa inteligência.
Não vou ser igual ao Cara que absolve Sarney e Renan com a cara mais cínica do mundo como se eles não fossem nada do que realmente são.
Não vou ser igual a um Cara que abandona, à própria sorte, homens verdadeiros que lutam pela democracia em Cuba.
Não vou ser igual a um Cara que se alia aos piores terroristas da terra, em nome de uma ideologia chinfrim que massacrou milhões de inocentes pelo mundo afora.
Não vou ser igual a um Cara que abona a conduta de um partido que lesa milhares de trabalhadores honestos, gente que acreditou nessa quadrilha e empenhou suas economias no sonho da casa própria oferecida pelos assaltantes da Bancoop e que ainda tem a cara de pau de lançar programas como o fajuto Minha Casa, Minha vida.
Parece zombaria. Parece que ele quer nos tripudiar.
Não, não.
Decididamente, eu não sou igual a esse Cara e não faço a mínima questão de ser.
Eu não pertenço ao país dos canalhas de Lula, o Cara.
Não vou ser igual ao Cara que defende Hugo Chaves, os irmãos Castro, Zelayas e mais todos os narco-guerrilheiros e os terroristas fundamentalistas que explodem bombas para matar inocentes úteis à sua mesquinha causa.
Recuso-me a proceder como o canalha que usa o diploma e se incrusta nas redações dos grandes jornais para servir de correia de transmissão da tentativa de transformar este País num real País de canalhas.
Recuso-me a adotar a conduta miserável de políticos imundos que ajudaram e ajudam essa quadrilha em seu sonho de poder, jogando na lata do lixo o Brasil democrático e livre que conquistamos e fazendo com que a verdadeira atuação política seja transformada em algo rasteiro, subornante e subornado, em meio de enriquecimento ilícito e fácil, em corruptor e corrupto que todos os dias nos é mostrado pelos poucos jornalistas honestos que conseguiram sobreviver à sanha corruptora da quadrilha.
O que ainda me assusta é ver que a parcela verdadeiramente consciente e esclarecida deste País, não exerça seu papel de cidadão e se una para defender o Brasil e arrancar o poder das mãos destes, estes sim, canalhas.
Não consigo encontrar uma miserável razão que seja, para essa apatia coletiva.
Esta é uma guerra que corremos o risco de perder pelo silêncio e pela resignação ao pensar que nada podemos fazer.
Precisamos começar um movimento pelo reencontro da dignidade do povo brasileiro.
Não importa se começamos com meia dúzia aqui, meia acolá.
Não importa se poucos começarem a colocar em suas janelas uma bandeira verde e amarela.
Não importa se um pequeno grupo colocar fitas brasileiras em seus veículos.
Não importa se um grupo reduzido de brasileiros saírem às ruas vestidos de negro.
Não importa se meia dúzia de gatos pingadas pintarem suas faces de verde e amarelo.
Não importa o meio que usarmos, importa que esse sentido de basta se alastre pelo Brasil honesto, verdadeiro, alegre e trabalhador.
Importa mostrarmos para esses canalhas que, além de não sermos os canalhas que eles desejam que sejamos, que nós estamos vivos e que somos a ampla maioria da nação brasileira.
Importa mostrarmos a esses canalhas que não há diferenças entre brancos e negros, cabelos lisos ou encaracolados, olhos "achinesados" ou amendoados, ricos e pobres, crentes ou não, mas que existe uma nação possível feita só de Brasileiros que não são e não se portam como esses canalhas.
Precisamos mostrar para esse Cara Canalha, que existe um Brasil que ele não conhece.
Um Brasil feito só de gente decente.
Um Brasil de brasileiros com vergonha na cara suficiente para mostrar para esse Cara, que ele, ao contrário de nós, não merece o respeito de um bandidinho de esquina.
De gente que dá seu suor diariamente para, com trabalho honesto, sustentar sua família.
Mas tem que ser URGENTE.
Tem que começar agora para não passarmos a ser, além dos canalhas que eles querem, os covardes que aceitarão, passivamente, a transformação do Brasil em um PAÍS DE CANALHAS e BANDIDOS.
Nossa democracia nunca precisou tanto de nós.
O Brasil nunca precisou tanto de nosso civismo.
Eu, decididamente, não quero que o Brasil seja um País de Canalhas por que me recuso a ser os canalhas que eles são..
Pergunto:
E você?

anacronikus.blogspot.com
(clique no título e conheça o blog acima)

terça-feira, 23 de março de 2010

INTENÇÃO DE VOTOS X PESQUISA ELEITORAL


Intenção de votos

Estamos a oito meses distantes da eleição, mas desde já
forças ocultas tentam dar como garantidas as porcentagens
de cada candidato.
Pesquisas a todo instante revelam que candidato A está
com apenas cinco pontos de diferença de candidato B e
assim por diante.
Em eleições passadas temos observado que estas
pesquisas se aproximam muito do resultado final. No entanto,
devido a uma série de fatores, creio que nesta eleição algo
está muito errado nestas pesquisas.
E com este pensamento resolvi fazer uma por conta própria.
Conversei com vizinhos e pessoas do meu local de trabalho,
creio terem sido talvez 250 pessoas, enfim, um número que
poderia me dar uma visão melhor destas pesquisas.
Levei em conta a classe social e o poder aquisitivo delas e,
surpreendentemente, o resultado foi completamente
diferente das intenções de votos divulgadas pela imprensa.
No meu resultado, 90% optaram por determinado candidato e
entre os outros 10%, encontrei pessoas que afirmaram que em
hipótese alguma iriam votar, outras ficam em dúvida e outras
foram diretas ao dizer que votariam no candidato X.
Assim pergunto: quem manipula o que?
Será que nossas urnas eletrônicas são realmente à prova de
fraudes eleitorais? Nossos votos são secretos até que ponto,
uma vez que nosso RG é digitado antes, coincidindo com
a ordem de votação, ou seja, primeiro da fila, primeiro RG,
primeiro voto? Se até em Brasília o sigilo do painel eletrônico
pode ser quebrado, quem nos garante seriedade nas urnas?
O Tribunal Superior Eleitoral, que permite que candidatos
suspeitos possam concorrer a estas preciosas vagas?
Com as intenções de votos e margem de erros, não fica
muito mais fácil de alguma forma manipular uma fraude, pois
quem iria cobrar a contagem, uma vez que o resultado já
estava garantido e tinha sido previsto pelas pesquisas?
Continuarei minha pesquisa, mas o fato é que existe algo
de podre no nosso reino, pois mesmo quando tento fazer
alguém olhar melhor um ou outro candidato, todos são unânimes
em dizer que estão cansados de tanta corrupção.

Siegmar Metzner - Curitiba
JORNAL O ESTADO DO PARANÁ
23/03/2010

O ''MUCO'' MUSEU DA CORRUPÇÃO



CONHEÇA ESTE MUSEU POR DENTRO,
BASTA CLICAR NO TÍTULO.
EM ANO ELEITORAL É SEMPRE BOM
RELEMBRAR ONDE FORAM PARAR
NOSSAS VERBAS.

segunda-feira, 22 de março de 2010

O FUTURO DA ONU E/OU A ONU QUE SE CUIDE


UM ESTÁ TODO MIJADO E A OUTRA
TÁ CAGADA.

UMA PELO BRASIL

UM PELA ONU

É ASSIM QUE SE DEFENDE

DÁ PARA ACREDITAR QUE UM SUJEITO

DESSE CALIBRE,

CHEGA AO ABSURDO DE SONHAR EM
QUERER SER MEDIADOR DE ALGUMA COISA,
QUANTO MAIS SECRETÁRIO-GERAL DA ONU?
O SUJEITO NÃO SERVE NEM PARA SER FAXINEIRO
DE ZONA.
O BANCO MUNDIAL QUE SE CUIDE,POIS
É BEM POSSÍVEL QUE ELE TENTARÁ
INDICAR JOSÉ DIRCEU PARA DIRETOR
GERAL,COM DILMA APOIANDO É LÓGICO.


A TURMA ASSISTINDO AO FILME
LULA O FILHO DO BRASIL.
PELA CARA DE TODOS DEVE SER
UM SACO.
MAS CASO DILMA SEJA ELEITA,
TEREMOS UM OUTRO FILME,
''DILMA A GUERRILHEIRA DO
DETRITO FEDERAL''

PARA OS QUE TEM MEMÓRIA CURTA


AS VEZES É PRECISO LEMBRAR
PARA ESQUECER A IMUNDICE E
NÃO DEIXAR QUE O ERRO SE REPITA.

GEOPOLÍTICA DA VERGONHA




GEOPOLÍTICA DA VERGONHA
Maria Lucia Victor Barbosa
21/03/2010

Um dia disseram a Lula da Silva que ele mudaria a geopolítica mundial. A idéia megalômana era a de projetar em curto prazo o Brasil como potência que ultrapassasse as existentes, especialmente, os Estados Unidos.
De imediato o presidente da República encampou a inebriante sugestão e assumiu o papel de super-homem também a nível internacional. Para uso interno já lhe havia sido construída a imagem de super-herói com traços divinizados, pois o Brasil, segundo a lenda da propaganda, se divide entre antes e depois de Lula da Silva.
Naturalmente, foram planejadas eficientes estratégias que culminaram no atual estado de coisas de total alienação popular, domínio dos partidos políticos, do Legislativo, do Judiciário e das instituições. Importante também a manutenção do poder, algo projetado para no mínimo vinte anos conforme sempre apregoou o sempre todo-poderoso José Dirceu.
A meta está focada em destruir o Estado de Direito democrático que inclui as liberdades civis, entre elas a de pensamento e de mercado, e os direitos humanos. Provém daí o estridente antiamericanismo que, na América Latina tem em seus expoentes os irmãos Castro, Hugo Chávez e seus satélites e, porque não, Lula da Silva que ultimamente tem aumentado tom e ritmo das provocações aos Estados unidos.
Note-se que na política externa, orientada basicamente por Marco Aurélio Garcia, o Brasil tem se posicionado a favor da escória mundial. Desse modo, nosso país tem vergonhosamente se calado sobre as violações de direitos humanos em Cuba, no Irã, na Coreia do Norte, no Sudão, no Congo, em Sri Lanca.
Acrescente-se que o presidente da República fica à vontade quando se trata de ir à Venezuela fazer campanha para Chávez e outros vizinhos que são companheiros. Porém, se absteve de comparecer á posse do presidente eleito no Chile, Sebastián Piñera, anatematizado por ser de direita.
O Brasil violou a soberania da pequena e valente Honduras, introduzindo na embaixada brasileira, a mando de Hugo Chávez, o defenestrado Manoel Zelaya. Lula da Silva tem visitado e apoiado ditadores africanos, mas o espetáculo mais vergonhoso aconteceu durante sua última viagem à Cuba, quando protagonizou espetáculo deprimente ao confraternizar alegremente com os ditadores Castro, enquanto o corpo martirizado do dissidente Orlando Zapata esfriava no caixão. Ao mesmo tempo, o presidente brasileiro fez ouvidos moucos às súplicas dos dissidentes cubanos, defensores da liberdade, e os rotulou de bandidos. Certamente, o super-homem que contém o vírus da paz e do diálogo, classificará também as damas de branco, que em Cuba foram às ruas em protesto pacífico em nome da liberdade, de bandidas.
Mas nosso super-homem não pode parar. O mundo o espera para continuar a girar. Então, partiu em missão na qual as mais importantes autoridades mundiais têm falhado há anos: intermediar um acordo de paz entre israelenses e palestinos, em que pese ambos os lados ter afirmado que não lhes interessa tal mediação. Mas o fantasma do cubano Orlando Zapata Tamayo parece assombrar Lula da Silva, pois sua passagem pelo Oriente Médio converteu-se num novo fiasco.
Em vão governo e oposição israelenses cobraram de Lula apoio as sanções contra o Irã. Como aconteceu com Hillary Clinton durante sua visita ao Brasil, ele demonstrou inabalável fidelidade ao amigo e aliado, Mahmoud Ahmadinejad. E fez mais para afrontar o povo judeu: se recusou a depositar flores no túmulo de Theodor Herzl, fundador do sionismo, portanto, defensor da autodeterminação dos judeus através de um Estado próprio. O insulto foi mais uma brilhante idéia de Marco Aurélio Garcia, que avaliou a solenidade como uma contradição a posição brasileira pró-palestinos.
Como compensação ao desacato, Lula colocou uma coroa de flores no memorial do Museu do Holocausto, em Jerusalém, enquanto repetia em performance shakesperiana: “nunca mais, nunca mais, nunca mais”. O desempenho teatral, contudo, não o impede de ser aliado de Ahmadinejad que nega o Holocausto e prega obsessivamente a destruição de Israel.
Após a passagem por Israel, Lula da Silva se encontrou com o presidente da autoridade palestina, Mahmoud Abbas. Muito a vontade, subiu o tom contra a expansão dos assentamentos, pregou a derrubada do muro construído por Israel nas suas fronteiras com a Cisjordânia como medida defensiva e aproveitou a crise entre Israel e Estados Unidos para de novo se oferecer como mediador dos conflitos e até conversar com o grupo terrorista Hamas. Colocou flores no túmulo de Yasser Arafat para marcar a diferença.
Lula da Silva não chegou num bom momento em Cuba nem em Israel. Em maio fará mais uma viagem, desta vez ao Irã. Se no dia de sua chegada, mais opositores ao governo de Ahmadinejad estiverem sendo enforcados, saberemos se a sorte do “cara” acabou ou não de vez como líder de uma nova e vergonhosa geopolítica mundial.

Maria Lucia Victor Barbosa é socióloga.


LULA ESTÁ SE TORNANDO DIA A DIA
MAIS MOTIVO DE PIADA NO MUNDO INTEIRO.
NUNCA OUVE ANTES NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE
UM GOVERNANTE TÃO RIDÍCULO COMO O NOSSO
ATUAL PRESI-MENTE.
O QUE CONFORTA E NOS DÁ ESPERANÇA
É QUE TODOS OS BOBOS DA CORTE
SERVEM APENAS PARA DIVERTIR OS
COMPANHEIROS AO SEU REDOR E SÃO
MOTIVOS DE PIADA PARA O RESTO DO MUNDO.
E AO FINAL, TODOS, TODOS OS BOBOS DA
CORTE ACABAM LEVANDO UM BELO
CHUTE NO TRASEIRO.

SIEGMAR

domingo, 21 de março de 2010

AS SETE VIDAS DE GRACIOSO


GRACIOSO E CASCATINHA

SEMPRE JUNTOS

TODOS OS GATOS TEM SEGREDOS

E COM ABSOLUTA CERTEZA, 7 VIDAS.

Há um mês atrás,Gracioso foi atropelado
na rua em frente de casa.
Estava fugindo de outro gato, quando correu
para o meio da rua sem olhar. A batida foi feia,
apesar de não ter tido nenhum ferimento
externo,correu mancando para dentro de casa
onde se escondeu.
Como já era tarde da noite, resolvi levá-lo
a veterinária na manhã seguinte, mas para
minha surpresa, pela manhã ele havia desaparecido.
Dois dias depois como não voltava, resolvi vasculhar o
terreno baldio em frente de casa.
E no meio do mato alto o encontrei assustado e
com aspecto de não me reconhecer. Fugio pelo
muro para o terreno dos fundos.
Durante os dias seguintes eu deixava comida no
local, mas não mais o encontrei e a comida
continuava intacta.
Mais uns dias se passaram e novamente eu o vi
e mais uma vez, já bastante magro e debilitado
fugiu de mim.Depois disso, se passou mais uma
semana sem vê-lo novamente.
Qual não foi minha surpresa, quando exatamente
14 dias depois, alguém volta com fome e bastante
magro, mas saudável e fazendo de conta como se
nunca tivesse saído de casa?
Bom,esse é Gracioso,já recuperado esqueceu
o que quer que tenha sido e já voltou a
atravessar a rua novamente.
Não sei quantas vidas ainda lhe restam,mas
das sete, duas ou três ja foram gastas.