''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




terça-feira, 17 de agosto de 2010

PURA ENERGIA / BABY E RITINHA / ''ENLOUQUECENDO UM VELHO PROTETOR''


Esta linda criatura se chama Ritinha.
Uma carinha de anjo, mas uma verdadeira capetinha.
Impossivel conseguir faze-la ficar quieta por mais
de alguns minutos. Muita energia, muita vida, muita alegria.
Até as ocasionais broncas são para ela um motivo de festa.

Este é o Baby, outra carinha de anjo, outro
capetinha. Os dois juntos, enlouquecem qualquer
um. Sem duvida são almas gemeas.

Tudo precisa ser cheirado e explorado, até o que
existe por baixo do reboco das paredes precisa ser
vereficado, se para tanto é necessário cavocar o reboco,
sem problemas.

A menina da foto é netinha de uma amiga vizinha.
Só segurando a Ritinha para conseguir com que ficasse
quieta para uma fotografia.
Ritinha apareceu do nada. Tirei esta foto no dia seguinte.
D.Deja, minha vizinha a tinha recolhido da rua pois o
risco de atropelamento era grande, corria de um lado para
o outro atiçando os cães da vizinhança.

Tiramos a foto com a intenção de divulgar
Ritinha nos sites de adoção. Mas no dia seguinte
a levei para ser castrada antes pois estava
entrando em seu primeiro cio. Algumas pessoas ligaram
para saber dela, mas todos queriam uma bem filhote, assim
Ritinha foi adotada por mim.
Na foto acima a vemos no dia em que saiu da clinica e
foi para sua nova casa.
Eu nem imaginava ainda o que estaria por vir.

Sempre tive receio de apresentar uma nova moradora
para os outros. A sequencia de fotos mostra como foi
com a Ritinha. Abri a porta e Ritinha se encantou com
o que viu.

Saiu correndo porta afora e foi se apresentar.
Os tres da foto acima ficaram apenas olhando
como se estivessem querendo entender o que era
aquilo que passou por eles como um foguete e foi
simplesmente brincar com Gleisie e Panda.

Neste instante posso afirmar que o canil enlouqueceu.

Minutos depois todos estavam na brincadeira e
meu sossego havia definitivamente acabado, mas o pior
ainda estava por vir.

Foi um mes depois que Baby chegou.
Baby um filhotão da idade de Ritinha estava
praticamente para ser abandonado por vizinhos
novos. Aquele tipo que conhecemos bem. O cãozinho vai
crescendo, perde a graça para estes tipos de idiotas e
abrir o portão para que saia e não volte mais, ou para que
seja atropelado é o primeiro passo.
Em geral, o segundo passo é levá-lo para bem longe e abandoná-lo
a própria sorte.Percebendo isso, decidi salvar Baby deste
triste destino. A desculpa é sempre a mesma: meu marido ou
minha mulher não querem mais e ponto final.
Bom, com Baby a reação foi igual.

Entrou e mal recebeu um chega pra lá da Ophra
ja se sentiu em casa. A primeira vítima foi a Céci.
Céci em minutos voltou a ser criança. Céci tem quase
dez anos e gosta de sossego, mas explique isso ao Baby
ou a Ritinha.

E logo após ter conhecido sua alma gemea,
nunca mais a bagunça acabou.
Algumas vezes acordo de madrugada e escuto
as brincadeiras e o corre, corre.

Algumas vezes preciso intervir e dar uma
bronca,mas isso só alegra a Ritinha, aí mesmo é
que ela fica toda feliz.
Assim o negócio é assistir de camarote, tomar
uns calmantes e deixar que quebrem a cabeça.

Baby ja arrumou um galo na cabeça, em parte
culpa minha, fui dar uma bronca com o pote de
ração na mão, ele pulou e quase quebrou a cabeça
no pote.
Com estes dois a gente envelhece mais rapidamente.
Só posso descreve-los como sendo:PURA ENERGIA!
(Siegmar)

Baby

Ritinha
''Ninguém pode realmente dizer que viveu,
sem ter tido estes dois capetinhas.''

Um comentário:

  1. Outra excelente história. Pense em juntar tudo e montar um livro.
    Tere

    ResponderExcluir