''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




sábado, 26 de novembro de 2011

ESGOTO INFESTADO DE RATAZANAS

Um enorme esgoto infestado de ratazanas.

Ratazanas da pior espécie, contaminadas pela corrupção e pela impunidade, nisso se transformou o Destrito Federal. Deveria ser chamado de detrito federal, pois é em meio a detritos que estas ratazanas adoram sobreviver. Detritos de imundice, de corrupão, de impunidade, de falta de vergonha, de mentiras, de hipocrisia e de deboche para com o povo que os escolheu.
Mas este mesmo povo merece estas ratazanas imundas como seus governantes. Pois este povo se acostumou a conviver ao lado deste enorme esgoto a céu aberto. Nao sente mais o fedor que dele emana.
Poucos se dignam a erguer a sua vóz e clamar por decência, honestidade e moral.
Algumas centenas de vozes ainda se fazem ouvir, mas ninguém mais ouve o que estas vozes tem a dizer.
Milhares de gays se reunem em paradas e marcham pelos seus direitos, milhares de maconheiros e outros drogados levantam sua vóz em defesa de consumir drogas livremente onde e quando bem entenderem, milhares de vagabundos, que se dizem estudantes universitarios, marcham contra a presenca da policia. Mas nenhum destes hipocritas ergue a sua vóz contra as ratazanas e a sua corrupção.
Preferam marchar pelas suas imunidices, mas nunca pelos seus verdadeiros valores e direitos. O direito de serem cidadãos e viverem numa país com governantes decentes que poderiam fazer todos crescerem numa nação com justica e respeito.
Nunca vou mem acostumar a viver em meio a estas ratazanas purulentas e fétidas, nao sou um dos milhares, sou apenas uma das centenas de vozes que ainda tenta se fazer ouvir.
(Siegmar)

Um comentário:

  1. Faço minhas as suas palavras. Se eu tivesse escrito não mudaria nada, talvez apenas dissesse que esses que não protestam ainda vão votar nesses vagabundos.

    ResponderExcluir