''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




sábado, 15 de setembro de 2012

2012, O INÍCIO DO FIM

Não sei o que foi que os Maias viram ao olhar para o futuro, mas sem dúvida alguma em seu calendário perceberam alguma coisa.

Em nenhum outro ano no passado, tivemos tantas revoluções, tantos protestos, tanta corrupção, tanta violência e tanta indiferença.

Nem nunca antes tivemos tantos registros de terremotos e catástrofes como nestes últimos dois anos.

Mas o que mais chama a atenção é o ódio crescente, assustadoramente crescente.  Um ódio gratuíto, quase sempre sem sentido, como se fosse preciso o ódio ter algum sentido.
Algo vai mudar sim, precisa mudar, ou nos destruíremos e seremos destruídos da forma mais cruel e dolorosa possível.
A loucura é visível e não pode mais ser controlada sem o uso de ainda mais violência.
Cada novo ato gera mais um ato de vingança e crueldade. O fanatismo de ambos os lados se torna mais e mais evidente.

O filme que criou a atual onda de revoltas dos muçulmanos não justifica as cenas que estamos vendo. Qualquer pessoa esclarecida sabe que este estúpido e nojento filme não passa de mentiras feitas com o único propósito de instigar o ódio, a revolta e ofender.

Qualquer pessoa mais esclarecida conhece e respeita o nome do profeta Maomé e sua história. Não importa a religião ou a origem destas pessoas, mas sim o seu coração.

Qual o objetivo final destes atos insanos? Destruir a vida e a pouca dignidade que ainda resta no mundo?
Não haverá lado vencedor desta vez, aliás, nunca há um lado vencedor. Nunca haverá paz enquanto existirem seres humanos tão diferentes.
Sim, mais uma vez podemos ver e ter a certeza que os Maias em sua sabedoria enxergaram mais do que queriam nas estrelas e na contagem de seus dias.

Estamos a cada dia mais nos aproximando do que é chamado de fim do mundo, poucos percebem que a cada dia o mundo termina para alguns e que a cada dia mais, outros o destroem um pouco mais.
Importa se o fim será 2012, 2013 ou 2020?
Deveria importar que poderíamos mudar o nosso destino, o destino de todos e transformar a vida e o mundo em algo ainda digno de ser vivido.
Mas a cada instante mais percebo que sim, os Maias estavam mais do que certos, 2012 talvez não seja o fim do mundo, mas ficará conhecido na história, se houver, como o ano que deu iniciou ao fim da humanidade.


Nenhum comentário:

Postar um comentário