''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




sexta-feira, 16 de março de 2012

CAMINHANDO POR CURITIBA / BACACHERI

Hoje resolvi fazer um passeio pelo bairro Bacacheri. Mas antes de chegar ao lugar, precisei parar e fotografar este caminho da estrada de ferro que corta nossa cidade algumas vezes.
Traz uma certa nostalgia. Trilhos sempre me fazem voltar ao passado.
Este trecho fica na rua Augusto Stresser.
Não sei exatamente o nome do bairro, creio ainda ser o Cabral, na real é difícil dizer onde começa o Bacacheri.

Alguns prédio residenciais do lugar.

Bacacheri  localiza-se na subprefeitura do Boa Vista, sendo que está situado na região nordeste do município. É famoso por abrigar o Aeroporto do Bacacheri, que realiza vôos domésticos para outros estados brasileiros.
As origens do bairro confundem-se com a criação, nessa região, da Colônia Argelina de imigrantes, em 1869. O nome da colônia se deve ao fato de a maioria dos seus integrantes ser composta por franceses originários da Argélia, existindo também alemãessuíçossuecosingleses e, posteriormente,italianos. O crescimento e desenvolvimento do bairro esteve ligado, nos primeiros tempos, ao tráfego em direção à estrada da Graciosa, que deu origem a numerosos estabelecimentos comerciais e de serviços.

 Acima a entrada do Aeroporto do Bacacheri.


Pegado ao pequeno aeroporto fica também um dos grandes quartéis da cidade.
O 27° Batalhão Logístico.
Abaixo uma imagem da Avenida Erasto Gaertner.


O parque Iberê de Mattos conhecido como parque Bacacheri, foi inaugurado em 1988, possui um área de 152 mil m2. 

O parque conta com uma ampla área verde, lagos, canchas de futebol e de volei de areia, equipamentos de ginasticas,  churrasqueiras, playground e um lago artificial de 22 mil m2 , carpas, gansos e patos vivem no parque podendo ser observados no lago, e alimenta-los com comidas, e bosques com espécies nativas.
 Há uma pista de cooper e ciclovia que esta localizado em volta  do lago artificial, com 22 mil m2, pede-se para que os frequentadores não corram em alta velocidade com as bikes, mas nota-se ainda que não é muito respeitado, as pessoas que ali andan, devem tomar cuidado ao caminhar pelo parque. Para aqueles que gostam de animais, o lugar permite que cachorros caminhem ali, os animais devem estar com coleiras e devem ser conduzidos pelos seus donos, cachorros com mais de 20 kilos ou de raças violentas devem estar com guias e coleiras e focinheiras.



Algumas vezes existe um transito incomum na pista de cooper.
Assim, é necessário desviar ou ao menos diminuir a velocidade.
Mas todos são muito simpáticos, se alguém levar um pacote de pipoca, com certeza fará muitos amigos por lá.




No bairro, bem próximo ao parque, se localiza também a Ordem Rosa Cruz e nele o museu egípcio que possui objetos da cultura egípcia antiga e uma múmia. Muitos habitantes do bairro confundem a Ordem Rosa Cruz com a Maçonaria, motivo pela qual ambas as sociedades secretas têm a mesma filosofia.

A Ordem Rosa Cruz toma conta de praticamente a quadra inicial da rua Nicarágua.
Grandes construções do templo nos dois lados da rua por alguns instantes nos fazem sentir como se estivéssemos no Egito antigo.
O lugar impressiona mesmo e no museu se pode admirar uma múmia verdadeira.




Este é o começo da rua Nicarágua,
aqui ainda tranquila e estreita. Logo adiante a coisa muda de figura.
E na imagem abaixo meu caminho de volta ao lar.
Já não é mais Bacacheri, mas sim, uma  rua do bairro Cristo Rei, ou Botânico.
Resolvi fotografar enquanto esperava o transito melhorar um pouco.
Como podem ver, Curitiba é linda e cheia de pequenas e grandes curiosidade. Impossível não amar esta cidade.
Siegmar

Nenhum comentário:

Postar um comentário