''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




domingo, 9 de junho de 2013

Ó DUVIDA CRUEL, MEU CACHORRINHO É GAY?

Tenho um cachorrinho muito especial. Seu nome é Espeto.
Ele já é bem idoso, calculo que tenha entre 15 ou 16 anos.

Quando o resgatei e adotei ele já era adulto. Deveria ter na época ao menos uns dois anos de idade.
Isto foi em 1999, assim, como estamos em 2013...

Espeto era um grande namorador, onde havia uma cadelinha no cio, lá estava Espeto fazendo plantão em frente a casa da pretendente.

Não posso afirmar que Espeto seja gay. Apesar de atualmente ser castrado, ele não perdeu a vontade de namorar quando encontra uma bonitona pelo caminho, mas talvez alguém possa me responder uma coisa: Este negócio de "sair do armário" significa o que?
Ora, a todo instante tem "famoso" dizendo estar saindo do armário. É mulher, é homem, é artista, enfim, nunca antes tantos sairam do armário como atualmente.

Virou um beija, beija e um chupa, chupa sem fim. Daqui a pouco até é capaz de Neymar , Justin Biber e Xuxa admitirem e dizer que estão "saindo do armário". Mas isto é problema deles.

Mas voltando ao Espeto, explico melhor a minha dúvida.

Espeto dorme dentro do meu guarda roupa.

Ou seja, dentro do armário e todos os dias, ao levantar, ele "sai do armário".

Conheço também uma cadelinha tarada na vizinhança que adora mostrar que é sapatinha toda vez que aparece alguma menina nova no pedaço. Porém, a mocinha também não perdoa quando aparece um bonitão no caminho. Mas quem sabe um dia a dona dela também fara uma postagem sobre quando e como ela descobriu que a mocinha saiu do armário e resolveu ser bissexual.

Mas e o Espeto? Sair do armário todos os dias,  significa que seja gay, apesar de continuar namorando as meninas?

Devo levar ele até um psicólogo de cães? Ou quem sabe consultar o pastor Feliciano? Se ele entender o que significa "sair do armário" todos os dias, ele não pode ficar traumatizado?

Existe cura gay para cães também?

O que devo fazer? Simplemente aceitar? Sem preconceitos? Me considero pai do Espeto, e como pai,
ninguém que me diga que é fácil aceitar de primeira o fato de ter um filho gay, quanto mais um cachorrinho.
Ja sei, vou arrumar um outro lugar para ele dormir, assim, ele não mais precisará sair do armário todos os dias.

(Siegmar)

"Esta postagem é dedicada a todos os idiotas que aparecem todos os dias se assumindo como se isso fosse algo importante, dizendo estarem saindo do armário.
Ora vão plantar babatas, quem quer ser tanto assim aceito, é apenas por uma razão, não sabe aceitar a si  mesmo. Melhor então ficar dentro do armário e viver sua vida dignamente, sem querer que todo mundo aplauda e ache maravilhoso.
Ser você mesmo, viver em paz, não significa sair dos armários e querer com isso ser aceito de alguma forma, isto sim cria intolerância e faz a pessoa ser ridícula, já se tocaram disto?
E tem mais uma, ser viado ou sapatona hoje em dia, virou uma coisa tão normal e banal, que duvido muito que ainda existam  heteros, creio que mais da metade da atual humanidade já ( saiu do armário).
Cada um dá o que quer e faz o que bem entender, a mim não interessa se Daniela qualquer coisa ou a puta que pariu é bicha, hetero ou sapatão, interessa sim viver e conviver com as pessoas, sejam elas como forem e sem precisar saber de todos os detalhes de suas vidas.
Tenho amigos gays e amigos que não sei o que são, e isto me basta, cada um deveria viver a sua vida dignamente sem se expor ao ridículo de querer ser aceito por Deus e todo mundo.
Se isto é ser preconceituoso, então sim, podem me achar preconceituoso, mas eu acho que preconceito é bem outra coisa, preconceito é querer ser diferente e aceito por isto, quando na realidade somos todos feitos da mesma poeira e acima de tudo, pelo mesmo DEUS."

Nenhum comentário:

Postar um comentário