''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




quinta-feira, 16 de agosto de 2012

O APARTHEID NUNCA IRÁ TERMINAR / ÁFRICA DESPOJADA, EUROPA E MUNDO ENRIQUECIDOS

Mineiros grevistas são mortos a tiros por forças policiais na África do Sul.

A greve dos mineradores da empresa Lonmin, com sede em Marikana (África do Sul), acabou resultando em pelo menos 30 mortos após tentativa policial de repressão dos manifestos. Enquanto isso, a direção da mineradora estatal inglesa de platina, cujo lucro bruto em 2011 foi de US$ 321 milhões, afirma que demitirá os funcionários que não retornarem ao seu trabalho, sem, contudo, estabelecer um prazo para esse retorno.

Diante do lucro de 321 milhões de dólares, a vida de dez mineradores nada significa. Afinal, para os ingleses, eram apenas alguns negros. E para eles, a vida de negros nada representa.
Sim, o apartheid continua, nunca irá terminar. Crianças são exploradas na mineração do Coltan e homens cansados de ser explorados, quando resolvem lutar por seus direitos e dignidade, são assassinados a mando dos grande empresários.

Enquanto mineradores são assassinados na África do Sul, a realeza britânica celebra e conta os lucros.
Como  humano me questiono o quão vulgar e imoral pode se tornar o ser humano. O quanto pode ficar indiferente e apenas se importar com seus lucros.
Mas o assassinato destes trabalhadores terá uma justiça. Não a nossa justiça, cega e indiferente, uma justiça enganosa e comprada, para a qual a vida e a dignidade de pessoas humildes e negras nada importa. Estes homens, hoje assassinados receberão a justiça do nosso Deus, para o qual não existe cor, classe social, muito menos religião.

Os europeus,os judeus e os americanos, tanto sul como norte americanos enriqueceram explorando o povo africano e continuam explorando e matando este povo. Deveriam se envergonhar perante Deus, todos eles. Arrancaram o povo de suas terras, os escravizaram e açoitaram, alguns até a morte, não bastasse, exploraram suas terras e continuam explorando e os matando. A riqueza do povo africano transformou a vida dos europeus e americanos em uma vida de luxo e mordomia, enquanto o cada vez mais pobre e humilhado povo africano morre na miséria e de fome.
Judeus e o mundo condenaram o holocausto, Hitler e outros assassinos, mas todos eles são iguais a Hitler, com seus reis, rainhas e presidentes, fizeram e fazem um holocausto mil vezes mais sangrento do que os nazistas fizeram.

Que repousem em paz estes 30 homens que hoje forram assassinados,  que suas famílias superem a dor da perda e que Deus seja breve em levantar a sua face e traga a justiça sobre este inocente sangue derramado.
(Siegmar)

"Deus abençoe a África
Que suas glórias sejam exaltadas
Ouça nossas preçes
Deus nos abençoe, porque somos seus filhos"

"Soa o chamado para nos unirmos
e juntos nos fortalecermos
Vamos viver e lutar por liberdade
Na África da Sul a nossa terra."

3 comentários:

  1. Mano... Só há um GRITO! Que Deus interceda e faça justiça!!! Quando vejo um vídeo como esse, minha alma soluça lágrimas de sangue... e me "revolto" com tanta comida jogada no lixo, com tanta ganância do ter... da indiferença do SER!!! Somos tão felizes e nos queixamos... Temos TUDO e reclamamos... que seu texto soe mundo afora... que Deus atenda sua prece e a de todos os que ainda tem sentimentos de justiça. Te amo, mano... só Deus sabe o quanto!

    ResponderExcluir
  2. A meGaLOBO RACISTA? A violência do preconceito racial no Brasil. O personagem Adelaide do Programa Zorra Total, Rede Globo do ator Rodrigo Sant'Anna para a Globo e os judeus é engraçado, mas é desgraça para nós negros afros indígenas descendentes, se nossas crianças não tivessem sendo chamadas de Adelaidinha ou filha, neta e sobrinha da ADELAIDE no pior dos sentidos, é BULLIYING infeliz e cruel criado nos laboratórios racistas do PROJAC (abreviatura de Projeto Jacarepaguá, como é conhecida a Central Globo de Produção) é o centro de produção da Rede Globo que é dominado pelos judeus Arnaldo Jabor, Luciano Huck, Tiago Leifert, Pedro Bial, William Waack, William Bonner, Mônica Waldvogel, Sandra Annenberg Wolf Maya, Daniel Filho e o poderoso Ali Kamel diretor chefe responsável e autor do livro Best seller o manual segregador (A Bíblia do racismo, que ironicamente tem por titulo NÃO SOMOS RACISTA baseado e num monte de inverdades e teses racistas contra os negros afro-decendentes brasileiros) e por Maurício Sherman Nisenbaum (que Grande Otelo, Jamelão e Luis Carlos da Vila chamavam o de racista) responsável dirige o humorístico Zorra Total Foi o responsável pela criação do programa e dos programas infantis apresentados por Xuxa e Angélica, apresentadoras descobertas e lançadas por ele. Isto esta ocorrendo em todo lugar do Brasil para nós não tem graça, esta desgraça de Humor, que humilha crianças é desumano para qualquer sexo, cor, raça, religião, nacionalidade etc. Cruéis o pior de tudo esta degradação racista constrangedora é patrocinada e apoiada por o Sr Ali KAMEL (marido da judia Patrícia Kogut jornalista do GLOBO que liderou dezenas de judeus artistas intelectuais e empresários dos 113 nomes (Contra as cotas raciais) com o Senador Demóstenes Torres que foi cassado por corrupção) o atual diretor responsável da CGJ, Central Globo de Jornalismo, da TV Globo, esta mesma que faz anuncio constante do programa CRIANÇA ESPERANÇA e comete o Genocídio racista e imoral contra a maior parte do povo brasileiro, é lamentável que os judeus se divirtam com humor e debochem do verdadeiro holocausto afro-indigena brasileiro, É LAMENTAVEL que o Judeu Sergio Groisman em seu Programa Altas Horas, assim como no Programa Encontro com a judia Fátima Bernardes riem e se divertem (a atriz judia Samantha Schmütz em papel de criança no apoteótico deste estereótipo desleal e perverso) para nós negros afros brasileiros a Rede GLOBO promove incentivo preconceito raciais que humilha e choca o povo brasileiro. Taryk Al Jamahiriya. Afro-indigena brasileira da ONNQ 20/11/1970 -REQBRA Revolução Quilombolivariana do Brasil QUILOMBONNQ@BOL.COM.BR


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Jama,
      grato por seu comentário, concordo com cada palavra, vivemos num mundo cada vez mais cruel, racista e preconceituoso.
      Eu não sou uma pessoa perfeita, mas de algo meu coração se orgulha, nunca consegui ver a cor das pessoas, ou sua religião, consigo apenas enxergar seres humanos. Creio que é isto que falta ao mundo, descobrir que somos um só, exatamente iguais.
      Quem sabe bem lá no futuro, um dia jovens mentes consigam tornar isto uma realidade.
      Um abraço
      Siegmar

      Excluir