''DO NOT ABANDON YOUR BEST FRIEND''

O CÃO É O ÚNICO QUE NÃO SE IMPORTA SE VOCÊ É RICO OU POBRE, BONITO OU FEIO. O CÃO É O ÚNICO QUE REALMENTE SENTE A TUA AUSÊNCIA E SE ALEGRA DE VERDADE COM O TEU RETORNO, PORTANTO, JAMAIS ABANDONE SEU MELHOR AMIGO.



UM RAIO DE LUZ

''UMA ANTIGA LENDA DIZ QUE QUANDO UM SER HUMANO ACOLHE E PROTEGE UM CÃO ATÉ O DIA DE SUA MORTE, UM RAIO DE LUZ, QUE NÃO PODEMOS ENXERGAR DESTE PLANO DA EXISTÊNCIA, ILUMINA O CAMINHO DESTE SER PARA SEMPRE!''




segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

DEIXADOS PARA TRÁS

Abandono! Fácil abandonar criaturas inocentes, muito fácil!
Rua Luiz França, Vila Oficinas, Curitiba.

Não sei seu nome, repentinamente apareceu e foi "adotado" por vizinhos. Adotado é maneira educada de dizer, que abriram o portão e o deixaram ficar junto com a cadelinha que eles já tinham, também adquirida pouco tempo atrás, pois a primeira, eles já tinham dado um jeito de abandonar em qualquer lugar. Descobri depois que uma amiga vizinha  a havia recolhido, mandado castrar e esta sim, realmente a adotou.

Algumas semanas se passaram.
Repentinamente, uma casa vazia. Mudaram, aluguel muito caro, casa caindo aos pedaços, o proprietário com nada se importa, melhor dizendo, se importa com algo sim:
"Receber o aluguel direitinho!"

Em menos de seis anos, 6 cães foram simplesmente deixados para trás nesta maldita casa.

Quatro estão muito bem, dois com vizinhos que se compadeceram e dois eu resgatei. Baby é um dos que ficaram para trás e hoje é feliz comigo. Moli vive feliz com na casa de um amigo.
Estes são as vítimas da vez.
Ela se chama Mila, ele nem nome chegou a receber. Estão olhando para casa, desnorteados, sem entender o que lhes aconteceu.

Escutei o branquinho chorar na madrugada diante do portão, um choro triste, perdido e dolorido.

Falei com o proprietário da casa e ameacei que iria denunciá-lo caso isto mais uma vez se repita.

Mas falar com um monte de merda ou com o "Chico", é a mesma coisa. Um coitado, parece um indigente, só tem amor ao dinheiro. Seis casas alugadas, e todos "pagando certinho", alguns pagam uma fortuna por duas peças caindo aos pedaços. Boa maneira de enriquecer escondendo grana debaixo do colchão, sem precisar se preocupar em declarar imposto de renda, não é mesmo?
Mas isto já é outra história!

Minha amiga e vizinha Rita resgatou a pequena Mila. Atualmente estamos pagando um hotelzinho para cães, ficará lá até ter a sorte de ser adotada novamente, mas desta vez, por gente de verdade.

Ela foi castrada semana passada e esta feliz no novo lar temporário.

Mila é de raça pequena, muito dócil e brincalhona. Se dá bem com outros cães, mas é claro que precisa de um ou dois dias para se adaptar.

Caso alguém esteja a procura de uma amiga, castrada, vacinada e jovem, basta deixar um comentário neste blog, entrarei em contato.

Mila é realmente muito meiga e dócil. Convive bem também com crianças, observei isto durante o tempo em que morava no antigo "lar".

Tudo o que um cão precisa é de um pouco de atenção e carinho, alimento e um lugar para chamar de seu.

Eles nada mais exigem e sua vida é curta demais comparada ao nosso tempo.

Quantos ainda terão o mesmo destino de Mila e do branquinho?
Difícil responder, mas sei que esta ignorância nunca terá fim. Cada vez mais animais são abandonados como se fossem lixo.

Quanto ao "branquinho" não sei qual foi seu destino, talvez esteja perambulando por aí procurando o que pensava ser seus donos. O fato é que hoje ele não estava por perto.
A comida estava intacta, o lugar na grama vazio.

Talvez tenha encontrado alguém amigo, talvez volte por saber que podemos lhe ajudar também, quem sabe?

Denunciar? Para quem? Quem irá assumir a culpa? Quem denunciar? O bando de viciados que morava no local? O proprietário da casa caindo aos pedaços? Um ignorante que não se importa com a vida, apenas com a grana?
Como dizer a estes merdas para não adotarem animais se não podem nem cuidar de si mesmo e não tem nem eles onde cair mortos?
Como "educar e esclarecer" ignorantes?
Conscientizar? Este tipo de lixo humano nem sequer sabe o que é ter consciência.
Fácil abandonar criaturas inocentes, muito fácil!
(Siegmar)

Nenhum comentário:

Postar um comentário